terça-feira, 31 de agosto de 2010

 
Produção Industrial

 Aumento da produção até julho é o maior desde 91

A produção industrial cresceu 15% entre janeiro e julho deste ano, na comparação com o mesmo período do ano passado, refletindo a recuperação do setor após o tombo de 2009. Esse crescimento é o mais forte para o período desde 1991, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Em julho, a produção industrial brasileira registrou aumento de 0,4% em julho na comparação com junho. Na relação com o mesmo mês de 2009, a expansão foi de 8,7% - índice que completa uma série de nove meses seguidos de taxas positivas. O aumento de 0,40% na produção industrial em julho frente a junho foi o primeiro resultado positivo desde março. Segundo o economista André Macedo, os primeiros sete meses de 2010 mostram um cenário de recuperação, após o "tombo" sofrido pela indústria por conta da crise global, cujo período mais agudo foi iniciado em setembro de 2008. O mesmo não pode ser dito dos primeiros meses de 2009, que ainda mostravam os efeitos negativos da crise na atividade industrial. - Estamos comparando períodos muito diferentes. Um é o da recuperação da indústria este ano, com trajetória ascendente. E o outro foi afetado pela crise.  O ritmo da produção influencia diretamente as contratações e desligamentos de trabalhadores da indústria. Se o índice começa a cair, pode ocorrer corte de vagas - como o observado durante a crise financeira mundial, que atingiu a economia brasileira no início do ano passado. A indústria brasileira mostrou em julho sinais de recuperação, após três meses em queda na comparação com mês anterior. - Estamos iniciando este terceiro trimestre em ritmo de crescimento, embora seja um ritmo menos intenso do que o observado anteriormente. A partir de abril, a indústria brasileira mostrou quedas sucessivas: de 0,9% em abril, de 0,2% em maio e de 1,1% em junho. Nos meses de janeiro, fevereiro e março a produção industrial mostrou taxas positivas de 1,2%, 1,4% e 3,4%, respectivamente, na comparação com mês anterior. O aumento acumulado na produção industrial do período somou cerca de 6%. - Mesmo assim, é um sinal positivo que, em julho, o setor industrial tenha revertido aquela sequência de resultados negativos. A pesquisa do IBGE leva em conta 27 subsetores da indústria e, em julho, 17 deles registraram aumentos. O destaque foi a recuperação da produção de veículos, cujo setor registrou alta de 3,6%. No ano, o aumento é de 31,4%, com o bom desempenho da fabricação de caminhões e de autopeças. A principal influência negativa veio da indústria que fabrica máquinas e equipamentos, com redução de 6% na produção. Apesar disso, o economista do IBGE diz que esta é uma das áreas que mais cresceram de janeiro a julho - alta de 28,3% no período.

Fonte: R7


 
Robinho vestirá a camisa 70 no Milan e custou € 18 milhões, afirma dirigente

O atacante Robinho vestirá a camisa de número 70 no Milan. O jogador brasileiro foi contratado nesta terça-feira pelo clube "rossonero" no último dia da janela de transferências do futebol europeu.  "RobinhoIbrahimovic será o 11", afirmou Adriano Galliani, vice-presidente do Milan, confirmando ainda o valor pago ao Manchester City, clube que tinha os direitos econômicos sobre o brasileiro. "Robinho custou € 18 milhões", complementou o dirigente, em entrevista à "Sky Sports". vai vestir o número 70, e Ibrahimovic será o 11", afirmou Adriano Galliani, vice-presidente do Milan, confirmando ainda o valor pago ao Manchester City, clube que tinha os direitos econômicos sobre o brasileiro. "Robinho custou € 18 milhões", complementou o dirigente, em entrevista à "Sky Sports". Inicialmente, o valor anunciado da transação era de € 15 milhões. Mas mesmo com o aumento, o City ainda teve um prejuízo na negociação total, já que havia contratado Robinho do Real Madrid por € 40 milhões há dois anos.  Robinho despontou para o futebol com a camisa número 7 no Santos. Depois de deixar a Vila Belmiro, em 2005, vestiou a número 10 no Real Madrid e no Manchester City. No Milan, teve de adotar a 70, pois a "7" pertence a Alexandre Pato e a "10" ao holandês Seedorf.  Robinho e IbrahimovicMilan para a próxima temporada, o que mostrou o grande interesse de Silvio Berlusconi reforçar a equipe e acabar com o domínio da arquirrival Inter de Milão no país. "Ibrahimovic e Robinho são presentes de Silvio Berlusconi para os torcedores do Milan", comentou Galliani.  Já Robinho ainda não se apresentou oficialmente, mas, em declarações iniciais, elogiou o Milan e já teve sua foto estampada entre os jogadores do elenco no site oficial do clube.  "O Milan tem grandes jogadores, é uma grande equipe com uma história muito importante. Eu espero, com todos os meus companheiros, poder contribuir para conquistar muitos títulos neste clube. Kaká sempre me falou muito bem do Milan e agora sei que os brasileiros do elenco me apoiarão para me adaptar logo." foram as duas últimas contratações do

Fonte: Abril.com
Deivid

Flamengo x Santos: venda de ingressos começa nesta quarta

A venda antecipada de ingressos para a partida entre Flamengo e Santos, nestes domingo, às 16h (de Brasília), no Maracanã, começa nesta quarta-feira para os sócios rubro-negros. Os associados que estiverem com a mensalidade em dia poderão garantir um lugar antecipadamente na sede do clube, na Gávea (Av. Borges de Medeiros, 997), de 9h às 17h. O jogo será o último antes do fechamento do estádio para as obras da Copa do Mundo de 2014. Está prevista também a estreia do atacante Deivid no Fla. A partir de quinta-feira, todos os torcedores poderão adquirir seus ingressos nos pontos de venda, no mesmo horário. Os preços variam de R$ 40 (R$ 20 meia) a R$ 150 (R$ 75). A carga para a partida é de 39.292 bilhetes. Vale ressaltar que cada torcedor, sócio ou não, só poderá comprar três entradas. Aqueles que adquirem meia-entrada deverão, obrigatoriamente, apresentar documento que comprove o direito ao desconto (carteira de identidade, carteira de estudante ou comprovação de matrícula do ano de 2010) para ingressar no estádio. Como as obras do setor das cadeiras inferiores do Maracanã já começaram, os torcedores com direito a gratuidades (menores de 12 anos acompanhados de responsáveis, deficientes físicos e idosos maiores de 65 anos), terão seus direitos garantidos nas arquibancadas verdes e amarelas, com acesso pelas rampas do Bellini e Uerj. Os portadores de deficiência física que utilizam cadeira de rodas terão acesso à gratuidade exclusivamente pela entrada da torre de vidro, no portão 18 (Rua Eurico Rabelo). Seu respectivo acompanhante deverá portar ingresso de arquibancada verde ou amarela, que também lhe dará acesso pelo mesmo setor (cada cadeirante só poderá ser acompanhado por uma pessoa).


Fonte: GLOBOESPORTE.COM
Produção Industrial de Veículos Automotores

Produção de veículos cresce 3,6% em julho, diz IBGE

A produção industrial de veículos automotores em julho foi destaque, na avaliação do economista do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), André Macedo. Segundo ele, a produção de veículos subiu 3,6% no mês passado em relação a maio. O crescimento foi uma das maiores influências para a formação da taxa de alta de 0,40% na produção industrial geral em julho em relação a junho.  "Na comparação com julho do ano passado, a produção de veículos automotores também mostrou bom desempenho", acrescentou Macedo. De acordo com o economista, a produção de veículos subiu 26,5% em julho ante junho, o maior porcentual de elevação na produção neste tipo de comparação entre as atividades pesquisadas pela indústria geral. Para o especialista, o bom desempenho do setor em julho tem sido puxado pela produção expressiva de caminhões e de autopeças no período. A queda de 0,2% na produção industrial de bens de capital (máquinas e equipamentos) em julho em relação a junho foi considerada uma "acomodação" pelo economista. A produção na categoria caiu pela segunda vez seguida no mês passado, após ceder 2,0% no mês anterior, na mesma base de comparação. Macedo explicou que o setor de bens de capital mostra trajetória ascendente no ritmo de produção há um período considerável de tempo.  Desde abril de 2009, a produção no setor mostra resultados positivos sucessivos - até a queda observada em junho. "O setor de bens de capital em 2009 estava em uma trajetória ascendente, se recuperando do que perdeu com a crise (iniciada em 2008). O que podemos dizer agora é que, em função dos resultados positivos anteriores, o mês de julho mostra um sinal de acomodação", disse, explicando que o patamar de produção industrial em bens de capital já se encontrava elevado, antes de iniciar trajetória de queda em junho.  O técnico preferiu não tecer comentários sobre a evolução da produção industrial de bens de capital para os próximos meses. "Precisamos esperar as próximas informações para saber o que vai acontecer pela frente", afirmou.

Fonte: Estadão - Alessandra Saraiva, da Agência Estado

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

 
Líder da Líbia, Muammar Kaddafi 

Berlusconi encontra Kaddafi após recepeção polêmica a mulheres

O primeiro-ministro italiano, Silvio Berlusconi, se encontrou nesta segunda-feira com o líder da Líbia, Muammar Kaddafi, depois que o dirigente líbio provocou alvoroço na imprensa italiana ao sugerir a um grupo de mulheres que se convertessem ao islamismo. Jornais italianos acusaram Berlusconi de sacrificar princípios e sua dignidade pelas relações de comércio e investimento com a Líbia depois do convite de Kaddafi às jovens mulheres - contratadas por uma organizadora de eventos - para uma recepção no centro cultural líbio em Roma, no domingo. "O que aconteceria se o chefe de Estado europeu fosse à Líbia ou a qualquer outro país islâmico e convidasse todos para que fossem convertidos ao cristianismo?", perguntou o jornal Il Messajero. "Acreditamos que provocaria uma forte reação no mundo islâmico." Segundo informações da mídia, três mulheres teriam se convertido, mas não havia como verificar isso. O evento, realizado não muito longe do Vaticano, aconteceu depois de uma recepção semelhante da qual participaram 200 mulheres em uma visita anterior de Kaddafi a Roma, no ano passado. "Eu não tenho nenhum problema", disse à Reuters TV Barbara Persichetti, uma das mulheres que participaram da recepção de Kaddafi no domingo. "Não quero abraçar nenhuma causa, mas foi muito interessante. O papel da mulher na Líbia é muito interessante." Os laços entre a Itália e a Líbia prosperaram desde um acordo em 2008, pelo qual Berlusconi concordou em pagar 5 bilhões de dólares em reparações pelo domínio colonial italiano na Líbia no início do século 20. A Itália é agora o principal parceiro comercial da Líbia e compra grande parte do petróleo e gás natural do país, situado no norte da África e rico em recursos de energia. Mas muitos críticos não estão contentes.  "O interesse nacional não justifica e definitivamente não exige que qualquer um seja anfitrião para atos grotescos de palhaçadas", disse o jornal La Sampa em um editorial.

Fonte: O Globo Por James Mackenzie
 Instituto Brasileiro de Geografia (IBGE)
 
Censo mostra que número de pessoas por domicílio diminuiu de 2000 para 2010

Quase metade (48%) da população brasileira foi contada pelo Censo 2010, do Instituto Brasileiro de Geografia (IBGE), e os dados indicam a confirmação de tendências observadas em outras pesquisas, como o envelhecimento da população e a redução do número de pessoas por domicílios. As informações foram dadas nesta segunda-feira (30) pelo presidente do IBGE, Eduardo Pereira Nunes. Ele disse que subirá de 44 milhões para 56 milhões a quantidade de domicílios entrevistados, entre 2000 e 2010, e deve cair o número médio de pessoas em cada residência, passando de 3,79 pessoas para 3,37. “Observamos não só para o Brasil, como para os diversos estados, uma queda de cerca de 0,4 ou 0,5 moradores por domicílio em uma década”, afirmou. “Teremos muito mais habitantes em 2010 que em 2000. Entretanto, cada domicílio deve ter um número médio de morador menor”, completou. Segundo o IBGE, o Censo 2010 também deve mostrar que a população cresceu, nos últimos dez anos, de 169 milhões de brasileiros para 192 milhões e as mulheres devem continuar sendo a maioria. Embora os últimos dados também indiquem que mais da metade dos brasileiros são negros (pretos e pardos), esse dado ainda não pode ser confirmado. “Outras pesquisas vêm mostrando algumas tendências. Então, é natural que tenhamos uma proporção de pessoas acima de 60, 70 anos, nas faixas de idade mais altas, superior a de 2000, em 2010”, afirmou o gerente do censo, Marco Antônio Alexandre. Apesar de alguns atrasos em estados do Sul e do Sudeste, o IBGE também confirmou hoje que a coleta de dados segue os prazos estipulados, e no dia 27 de novembro será divulgado o número absoluto da população brasileira. Enquanto isso, os resultados parciais da pesquisa nos estados e nos municípios podem ser acompanhados pelo site da instituição:http://www.censo2010.ibge.gov.br/
 
Fonte: Correio Braziliense
 
A Pesquisa Especial de Tabagismo (PETab)

Brasil tem 25 milhões de fumantes a partir dos 15 anos


A Pesquisa Especial de Tabagismo (PETab), divulgada nesta segunda-feira (30) pelo Instituto Nacional de Câncer (Inca), no Rio de Janeiro, mostrou que ainda existem no Brasil 25 milhões de fumantes com idade igual ou superior a 15 anos. Apesar do número ainda elevado, o levantamento revela uma queda significativa entre os usuários de tabaco em relação às últimas décadas.  “Até o momento não tem uma queda tão espetacular de prevalência registrada em outro país nesse período de tempo. O Brasil é líder no controle de tabaco no mundo, é um exemplo para o mundo todo. Se não tivéssemos feito nada, teríamos mais de 50 milhões de fumantes hoje no Brasil”, comemorou Liz Maria de Almeida, gerente de Divisão de Epidemiologia do Inca.  Para ela, o levantamento mostra o resultado de ações que vêm sendo adotadas pelo Plano Nacional de Controle do Tabagismo como a proibição de fumar em recintos coletivos, o aumento de impostos sobre o cigarro, como medida para inibir o consumo do produto, e os tratamentos oferecidos na rede pública de saúde para quem quer parar de fumar. De acordo com a pesquisa, 45,6% dos fumantes tentaram parar de fumar nos últimos 12 meses, o que corresponde a cerca de 12 milhões de pessoas.  Mas Liz Maria de Almeida revela que uma das maiores preocupações entre os especialistas é o envolvimento dos jovens. “O jovem é o alvo principal da indústria do tabaco. Se consegue tornar o jovem dependente desde cedo ele garante o comprador até o final da vida. É nisso que percebemos que a parte de propaganda e marketing indireta, porque é proibida no Brasil, está voltando. Já tem uma quantidade expressiva de jovens com dependência severa ao tabagismo. Ou seja, vai ser muito mais difícil para ele deixar de fumar”, lamentou a especialista, que defendeu uma estratégia específica para mostrar os problemas do tabagismo para as pessoas dessa faixa etária.  A PETab revelou que a geração de brasileiros nascida a partir da década de 1980 começa a fumar, em média, a partir dos 17 anos, e que, na maior parte das vezes, as mulheres começam a fumar antes dos homens, apesar de conseguirem parar de fumar com mais facilidade do que o sexo masculino.  O levantamento foi feito em 51.011 domicílios, reunindo entrevistas com fumantes , não fumantes e ex-fumantes. A PETab, conhecida internacionalmente como Pesquisa Global de Tabagismo, é considerada no Brasil a pesquisa mais completa sobre o assunto e já foi realizadas em outros 13 países.

Fonte: Abril.com
Início do conteúdo

Carla Bruni

Mídia iraniana chama Carla Bruni de 'prostituta'


Os meios de comunicação iranianos chamaram a primeira-dama francesa Carla Bruni de "prostituta", depois de ela ter expressado seu apoio à iraniana Sakineh Mohammadi-Ashtiani, condenada à morte por adultério. Uma matéria publicada hoje no site estatal de notícias saiu dois dias depois de o jornal linha-dura Kayhan também ter descrito a mulher do presidente Nicolas Sarkozy como "prostituta". A condenação de Bruni à sentença de morte por apedrejamento contra Sakineh foi feita depois que cerca de 300 pessoas ligadas às organizações de Direitos Humanos terem feito um protesto, em Paris, para pedir que o Irã suspenda a pena de morte contra a iraniana. A sentença por apedrejamento contra a mulher de 43 anos, mãe de dois filhos, foi levantada por causa dos protestos internacionais, mas ela ainda pode ser executada por enforcamento.

Fonte: Estadão

sábado, 28 de agosto de 2010




Vaticano e comissão da ONU criticam França por expulsão de ciganos


Uma comissão da Organização das Nações Unidas (ONU) exortou nesta sexta-feira a França a suspender a expulsão de ciganos , e condenou os discursos políticos de "natureza discriminatória" no país e a escalada de atos violentos de "caráter racista". De forma parecida, o Vaticano também mostrou preocupação com o caso e propôs uma regulamentação específica para a minoria.  A Comissão pela Eliminação da Discriminação Racial da ONU, formada por 18 especialistas, expressou preocupação de que as centenas de ciganos que supostamente aderiram recentemente ao programa de repatriação voluntária para a Romênia não tenham sido devidamente informados sobre seus direitos, nem tenham consentido livremente a voltar ao país de origem. O grupo também advertiu Paris pelo caráter coletivo das expulsões, que visariam um grupo étnico como um todo. - O problema é a abordagem coletiva, baseada na questão étnica - destacou Patrick Thornberry, integrante da comissão.  As críticas foram rapidamente rebatidas pelo embaixador francês para os Direitos Humanos, François Zimeray, que afirmou que o governo de Nicolas Sarkozy "respeita escrupulosamente as leis da União Europeia e trata os ciganos caso a caso".  - Nosso objetivo não é adicionar mais drama ao que já é dramático, nem mais sofrimento ao que já existe, mas sim colocar fim a uma situação que não é mais tolerável - disse Zimeray.  A França vem expulsando por ano cerca de dez mil ciganos de seu território. A situação, no entanto, passou a atrair maior atenção de grupos de direitos humanos e da mídia quando Nicolas Sarkozy endureceu, no mês passado, a ofensiva contra os que vivem ilegalmente na França, associando-os à prostituição e à exploração de menores. Na ocasião, o presidente francês prometeu desmantelar acampamentos ilegais da minoria - cem deles já foram fechados- e expulsar 700 ciganos até o fim deste mês.  A oposição critica a investida e acusa o presidente de disseminar racismo para aumentar sua popularidade, que está em baixa. Uma pesquisa publicada nesta sexta pelo "Figaro" aponta que dois a cada três franceses apoiam a expulsão.  Fazendo coro à comissão da ONU, o Vaticano também expressou preocupação em relação à condição dos ciganos na Europa, e propôs a adoção de regras particulares para a minoria.  - Os ciganos constituem a minoria mais importante da Europa, com mais de 12 milhões de pessoas. Deveríamos criar uma regulamentação especial que leve em conta suas tradições e sua cultura - disse Agostino Marchetto, secretário do Pontifício Conselho para Migrantes.

Fonte: O Globo




Mark Webber

Clima ajuda e Webber faz a pole para o GP da Bélgica

Aproveitando-se bem das condições adversas da pista, hora seca, hora úmida, o líder do campeonato Mark Webber, da Red Bull, garantiu a pole position para o GP da Bélgica, no treino classificatório deste sábado, em Spa-Francorchamps, a sua quinta no ano. Vice-líder do Mundial de Pilotos, Lewis Hamilton, da McLaren, ficou com o segundo tempo, logo à frente de Robert Kubica, da Renault, o terceiro. A corrida deste domingo começa às 9 horas (de Brasília). Felipe Massa fez um bom treino, mas foi prejudicado pela chuva na hora de fazer a sua volta rápida no Q3. Com isto, o brasileiro da Ferrari ficou com o sexto lugar, quatro posições à frente do companheiro de equipe, o bicampeão Fernando Alonso. Completando 300 Grandes Prêmios, Rubens Barrichello teve ótimo desempenho com seu Williams, conquistando o sétimo lugar no grid, o melhor do ano, igualando a posição de largada na Malásia. Os outros brasileiros novamente não conseguiram passar da primeira parte da classificação. Lucas di Grassi, da Virgin, ficou com o 23.º tempo e Bruno Senna, da HRT, ficou com o 19.º lugar no grid, a sua melhor colocação na F-1. Secos e molhados. A chuva intermitente foi uma atração à parte no treino qualificatório. Temendo que esta caísse em grande quantidade, logo no começo do Q1, todos os pilotos saíram do box assim que a sessão foi aberta. Na curva 14, Di Grassi e Jarno Trulli se tocaram na primeira tentativa de fazer uma volta rápida e provocaram um belo tumulto, com vários carros tendo de passar inclusive pela grama para desviar dos dois. O brasileiro chegou a completar a volta, mas logo encostou e abandonou o treino. "A pista estava quase inteira seca, era a melhor chance de fazer uma volta boa. Mas naquela curva a pista estava um pouco lisa. Eu consegui segurar o carro, mas o Jarno não e acabou me acertando", disse ele, em entrevista à TV Globo. "Estragou bastante meu carro e por isto não pude continuar. Foi uma pena, dava para ter conseguido um lugar melhor no grid." No Q2, as maiores vítimas foram os carros da Mercedes. O alemão Michael Schumacher marcou o 11.º tempo e, com punição aplicada por manobra perigosa no GP da Hungria, vai largar apenas em 21.º. Companheiro e compatriota dele, Nico Rosberg fez o 12.º tempo, mas vai largar em 17.º, perdendo cinco posições por ter trocado o câmbio de seu carro.
Grid de largada para o GP da Bélgica:
1.° - Mark Webber (AUS/Red Bull), 1min45s778
2.° - Lewis Hamilton (ING/McLaren), 1min45s863
3.° - Robert Kubica (POL/Renault), 1min46s100
4.° - Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), 1min46s127
5.° - Jenson Button (ING/McLaren), 1min46s206
6.° - Felipe Massa (BRA/Ferrari), 1min46s314
7.° - Rubens Barrichello (BRA/Williams), 1min46s602
8.° - Adrian Sutil (ALE/Force India), 1min46s659
9.° - Nico Hulkenberg (ALE/Williams), 1min47s053
10.° - Fernando Alonso (ESP/Ferrari), 1min47s441
11.° - Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso), 1min49s209
12.° - Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India), 1min50s980
13.° - Sebastien Buemi (SUI/Toro Rosso), 1min52s049
14.° - Heikki Kovalainen (FIN/Lotus), 1min47s885
15.° - Timo Glock (ALE/Virgin), 2min01s491
16.° - Nico Rosberg (ALE/Mercedes), 1min48s680**
17.° - Jarno Trulli (ITA/Lotus), 2min02s284
18.° - Kamui Kobayashi (JAP/Sauber), 2min03s612
19.° - Bruno Senna (BRA/HRT), 2min03s941
20.° - Sakon Yamamoto (JAP/HRT), 1min47s874
21.° - Michael Schumacher (ALE/Mercedes), 1min48s267*
22.° - Pedro de la Rosa (ESP/Sauber), 2min05s294
23.° - Lucas di Grassi (BRA/Virgin), 2min18s754
24.° - Vitaly Petrov (RUS/Renault), sem tempo
* Punido com a perda de 10 posições no grid por direção perigosa no GP da Hungria
** Punido com a perda de 5 posições no grid por trocar o câmbio

Fonte: Estadão - Matéria de Tercio David 

José Antonio Dias Toffoli

O ministro José Antonio Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou, por liminar, a suspensão de todos os processos de consumidores que pediram correção das cadernetas de poupança durante os planos econômicos Bresser, Verão e Collor 1. Toffoli deu duas liminares a bancos e entidades do setor interrompendo todas as decisões anteriores, inclusive, parcialmente, a proferida pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), na última quarta-feira, que obrigava os bancos a arcar com indenizações de milhares de poupadores. As liminares não atingem os processos cobrando perdas acarretadas pelo Plano Collor 2, de 1991. As liminares do STF valem até que o assunto seja analisado pelo plenário da Casa. E não afeta os processos já concluídos, em que o reajuste a ser pago, pela diferença de correção monetária — em consequência dos altos índices de inflação dos anos 1980 e 1990 —, já foi definido. A decisão de ministro Toffoli teve como base pedidos do Banco do Brasil e do Itaú. O STF deverá julgar também uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) da Confederação Nacional do Sistema Financeiro (Consif), ainda sem data marcada. De acordo com a liminar do Supremo, também serão estudadas duas ações: uma da Caixa Econômica Federal, outra do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), esta, indo na direção contrária dos bancos. Em nota, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) informou que “os advogados dos bancos estão analisando e avaliando a decisão do ministro Toffoli para dimensionar seu alcance e consequências, para só então poderem se pronunciar a respeito”. A gerente jurídica do Idec, Maria Elisa Novais, também preferiu não se manifestar sobre a decisão de Toffoli. Disse que “ainda está estudando o assunto de forma detalhada, porque as informações ainda não foram publicadas”. Na última quarta-feira, a decisão do Superior Tribunal de Justiça, por um lado, beneficiava os bancos, ao decidir que o prazo para entrar com ações coletivas era de apenas cinco anos (vigência do plano) e não de 20, como vinha sendo entendido pela própria Casa. Por outro, favoreceu os poupadores, ao determinar os percentuais devidos e obrigar as instituições financeiras a pagarem todas as correções. Segundo dados do Idec, existem aproximadamente 700 mil ações na Justiça questionando as perdas ocasionadas pelas mudanças nas cadernetas de poupança, que podem ultrapassar R$ 6 bilhões. Sobre algumas ações coletivas, cerca de 15, iniciadas pelo instituto antes do prazo de cinco anos (depois da edição dos planos), ainda pode haver acordo. Mas se juntassem todas as ações coletivas, os bancos seriam obrigados a pagar algo em torno de R$ 60 bilhões, nas estimativas do Idec.

Fonte: Correio Braziliense


Google registra 1 milhão de ligações via Gmail26/08 às 23h53 O Globo, com agências internacionaos


O serviço de telefonia da Google via internet mostrou-se um sucesso: a empresa informou nesta quinta-feira que, no primeiro dia de funcionamento, foram registradas mais de um milhão de ligações. O serviço, por enquanto disponível apenas nos Estados Unidos e no Canadá, permite que os internautas façam ligações telefônicas gratuitas pelo e-mail da Google, o Gmail - em concorrência direta com o Skype. O site Cnet lembrou que, para efeito de comparação, há cerca de 300 milhões de pessoas nos EUA. Se um americano faz dez ligações por dia - uma pesquisa de 2008 apontava 208 por mês -, então isso significa que um em cada três mil telefonemas nos EUA foram feitos pelo Gmail nas primeiras 24 horas do serviço. Os usuários do Gmail ainda podem fazer ligações gratuitas para alguns outros países a preços camaradas: US$ 0,02 o minuto, segundo a Google. Quem tiver o Google Voice - serviço de voz lançado há pouco pela empresa - também pode receber ligações pelo Gmail. A ligação pode usar o microfone do próprio computador ou um kit de fone e microfone. O Gmail ganhou um botão "Fazer uma ligação", que abre um teclado virtual para "discar" o número desejado. O serviço ganhou elogios dos sites especializados. O Cnet ressaltou que a facilidade em relação ao principal concorrente da telefonia via internet foi que "não foi necessário convencer alguém a entrar no Skype ou pagar por um número de telefone do SkypeIn". O site avisou que as empresas de telefonia e operadoras de serviço de voz sobre IP (VoIP) têm de se preocupar com a concorrência da Google. Estima-se que o serviço seja estendido a outros países, mas ainda não há uma previsão de cronograma. O site indiano Sify Finance, no entanto, afirmou nesta quinta-feira que o serviço chegará à Índia dentro em breve. O site citou um porta-voz da Google Índia, segundo o qual o país é um "mercado estratégico" para o novo serviço de telefonia pela internet. A Google ainda anunciou nesta quinta a remodelação de seu serviço de busca na internet em tempo real. Ele ganhou uma página própria: www.google.com/realtime . A busca em tempo real começou a ser oferecida em dezembro do ano passado e permite ver o que redes sociais como Facebook e Twitter estão discutindo sobre determinados tópicos. A busca em tempo real ganhou ainda algumas ferramentas extras, como a possibilidade de refinar os resultados por localidade. Neste caso, porém, o serviço só está disponível em quatro línguas: inglês, japonês, espanhol e russo.  Além disso, por meio de um link chamado "Full conversation" ("conversa completa", em tradução livre), é possível acompanhar toda uma discussão no Twitter.  O serviço ainda foi integrado ao Google Alerts, que envia alertas por e-mail sobre um assunto que o internauta cadastre. A busca em tempo real e os alertas estão disponíveis em 40 línguas.

Fonte: O Globo

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Muricy ganha dois desfalques para a partida contra o São Paulo


Após conversar com a equipe durante a semana, em relação ao número de jogadores pendurados (11 no total), o técnico Muricy Ramalho ganhou dois importantes desfalques para a partida diante do São Paulo, no próximo domingo. Gum e Emerson foram advertidos com o terceiro amarelo e não poderão enfrentar os paulistas. O atacante explicou porque acabou sendo advertido. - Faz parte da minha característica brigar pela bola como se fosse o último lance do jogo. O Muricy falou isso durante a semana, mas acabei bobeando. Tenho que tomar mais cuidado - lamentou. O zagueiro também lamentou a suspensão que terá que cumprir de forma automática. - Infelizmente tomei o cartão e não poderei jogar, faz parte - analisou. Muricy foi mais um a lamentar os desfalques, mesmo após toda a conversa com o elenco. - Lamento o terceiro cartão amarelo do Emerson, foi numa jogada de muita vontade dele, mas pelas características que tem, não dá para pedir para ele pisar no freio. O Gum a mesma coisa - comentou, completando em seguida o porque tirou André Luis do time titular. - O mais importante e preocupante é a grande quantidade de cartões que sofremos. Está todo mundo pendurado com dois cartões e por isso resolvi poupar o André Luís - contou. Para a a partida diante do Sâo Paulo, André Luis deve voltar na vaga de Gum, enquanto o substituto de Emerson fica entre Marquinho e Rodriguinho.

Fonte: Goal.com - score to live

Dell eleva oferta e adquire a 3PAR por US$ 1,6 bilhão

A fabricante de computadores americana Dell anunciou hoje que a empresa de soluções para armazenamento de dados 3PAR aceitou ser adquirida pela empresa por uma nova oferta de aproximadamente US$ 1,6 bilhão (US$ 24,30 por ação) em dinheiro.  Com o anúncio de hoje, a Dell aparentemente venceu a rival HP na disputa pela companhia, mas teve de elevar sua oferta inicial de US$ 1,15 bilhão (US$ 18 por ação) à 3PAR, anunciada na última semana, após a HP ter oferecido US$ 1,6 bilhão (US$ 24 por ação) pela mesma empresa, na segunda-feira.  A negociação, que está sujeita ao aval de órgãos reguladores, deve ser finalizada até o final do ano . A Dell espera gerar ganhos com a aquisição no ano fiscal de 2012.  Os documentos da negociação serão alterados para refletir a nova oferta da Dell, mas isso não irá alterar o prazo da aquisição, informa a empresa. "Salvo prorrogação, a oferta e qualquer direito de recesso aos acionistas da 3PAR terminam à meia-noite (horário local) em 20 de setembro de 2010. Após a aceitação do pagamento das ações na oferta e realização das operações contempladas no acordo de fusão, 3PAR se tornará uma subsidiária integral da Dell", ressalta a empresa em seu comunicado.

Fonte: O Globo - Matéria demDaniela Braun
União tem menor saldo primário para julho em 10 anos


O governo central registrou em julho um superávit primário de 770,2 milhões de reais, o mais baixo para o mês desde 2000, informou o Tesouro Nacional nesta quinta-feira.  O superávit acumulado no ano somou 25,640 bilhões de reais, o equivalente a 1,29 por cento do Produto Interno Bruto (PIB). O governo central compreende Tesouro, Previdência e Banco Central.  Em julho do ano passado, o governo central havia registrado um superávit primário de 1,510 bilhão de reais. No mesmo mês de 2000, o saldo fiscal foi positivo em 355 milhões de reais.  O secretário do Tesouro, Arno Augustin, afirmou que o segundo semestre deve registrar um resultado fiscal mais forte e que a receita vai manter uma tendência de crescimento acima de 10 por cento na segunda metade do ano na comparação anual.  Ele também reiterou que a meta fiscal para 2010 será cumprida sem abater os recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).  Os investimentos do PAC somaram 10,6 bilhões de reais nos primeiros setes meses do ano, alta de 63 por cento frente ao mesmo período do ano passado (6,5 bilhões de reais).

Fonte: O Globo - Matéria Isabel Versiani


Fernando Prass diz que Vasco passou sufoco contra o São Paulo


O Vasco conseguiu arrancar um empate em 0 a 0 contra o São Paulo, quinta-feira, no Morumbi. O placar não foi um mal resultado para o Cruzmaltino, que segue invicto pós-Copa. Para o goleiro Fernando Prass, o empate foi um alívio, já que o time não conseguiu manter a posse da bola passou sufoco a maior parte da partida. - A gente comentou no vestiário hoje (quinta-feira) que o jogo foi sufoco, só sufoco. Não conseguimos encaixar o jogo no primeiro tempo, porque não ficamos com a bola. A gente roubava a bola, mas não dava tempo de sair. Demoramos para nos adaptar com o gramado, que estava molhado e baixo. Por isso não a gente não conseguia manter a posse da bola - falou o camisa um para, em seguida, explicar a tática usada pelo Gigante da Colina conter o ímpeto do Tricolor Paulista. - Se não dá para ficar com a bola, o jeito é ficar só na marcação. Foi o que a gente fez. Nesse jogo era esse o caminho - Segundo o goleiro, a entrada de Fumagalli deu mais estabilidade à equipe. Porém, ainda assim, o time não conseguiu sair do seu campo de defesa. - Com a entrada do Fumagalli seguramos mais a bola, pela sua característica. Mas, faltou posse de bola para afastar o São Paulo do nosso campo - concluiu Fernando Prass.

Fonte: Lancenet
Mozilla disponibiliza nova versão beta do Firefox 4

A Fundação Mozilla disponibilizou para download, nesta quarta-feira (25), a nova versão beta do navegador Firefox 4, concorrente do Internet Explorer no mercado de browsers. Uma das inovações é o Firefox Sync, que permite sincronizar marcadores, histórico de navegação e outras informações entre sistemas distintos. No momento que instala a nova versão, o usuário é solicitado a criar uma conta no próprio navegador, na guia Sync, em Ferramentas. Outra novidade é o Firefox Panorama, que permite organizar e consultar as abas abertas de navegação em áreas diferentes, facilitando o acesso às informações.

Fonte: Do G1, em São Paulo
Desemprego cai para 6,9% em julho, menor nível para o mês, diz IBGE


O índice de pessoas sem emprego em julho recuou para 6,9%, menor patamar para o mês na história, de acordo com a PME (Pesquisa Mensal de Emprego) divulgada nesta quinta-feira, 26, pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). A série começou a ser medida pelo instituto em 2002. Em junho, o nível de pessoas sem ocupação era de 7%. Em comparação ao mesmo mês do ano passado, a taxa caiu 1,1 ponto percentual. Tanto os desempregados quanto os ocupados ficaram estáveis em relação a junho, em 1,6 milhão e 22 milhões de pessoas respectivamente. Já o rendimento médio dos trabalhadores cresceu 2,2% de um mês para o outro, fechando julho em R$ 1.452,50. O trabalhador já acumula 5,1% de incrementos na renda desde o começo do ano. Militares e funcionários públicos foram os trabalhadores com a maior renda média, de R$ 2.464,83. Os empregados com carteira assinada no setor privado tiveram salário médio de R$ 1.323,74; enquanto os sem carteira assinada receberam R$ 908,61. As pessoas que trabalham por conta própria tiveram rendimento médio de R$ 1.174,85. A região metropolitana de Porto Alegre permaneceu com a menor taxa de desemprego, fechando julho em 4,8%. Em Recife, o nível de pessoas sem ocupação aumentou de 8,6% para 10%, registrando a maior variação das capitais analisadas no período. Salvador apresentou a maior taxa, de 12,3%. As outras três capitais analisadas permaneceram praticamente em estabilidade: São Paulo (7,2%), Rio de Janeiro (5,4%) e Belo Horizonte (5,1%).

Fonte: eBand - Redação: Helton Simões Gomes
Apple negocia locação de sériados a US$ 0,99


A Apple se prepara para anunciar seu aguardado produto para aparelhos de TV no mês que vem - e já pressiona as redes de televisão para alugar suas séries por meio do iTunes por apenas 99 centavos de dólar o episódio. O aparelho rodaria o iOS, software da Apple, numa versão especial para televisões, além de permitir o download de aplicativos pela TV. O serviço, que será oferecido via iTunes, não entusiasmou algumas empresas de mídia como NBC e CBS, porque acreditam que o plano reduz faturamento que já obtêm. No entanto, analistas avaliam que se o acordo for firmado a receita proporcionada pelo iTunes provavelmente reduzirá o faturamento que as redes de TV conseguem com conteúdo grátis bancado por publicidade, como o oferecido em sites como o Hulu. A News Corporation, controladora da rede Fox, da Walt Disney e da ABC, já está próxima de fechar o acordo com a Apple, de acordo com executivos das redes. Mas ainda há pontos de atrito nas negociações. De acordo com essas fontes, a NBC Universal, que comanda a NBC, a CBS e a Time Warner, dona dos canais TNT e TBS, tinham reservas sobre a proposta. Mas as empresas aparentemente não descartaram um acordo para alugar programas no iTunes. Nos Estados Unidos os usuário já podem comprar -para assistir ilimitadas vezes- episódios de séries de sucesso como "Lost" ao preço de 1,99 dólar por episódio. Representantes da Apple, Disney - que controla a rede de TV ABC-, News Corp. - dona da Rede Fox-, CBS e da divisão NBC da General Electric preferiram não comentar o assunto. Com essa iniciativa, a Apple pode ganhar posições no mercado televisivo americano, que está submetido à crescente pressão da concorrência, no ramo de aluguel de programas televisivos. As ações da Apple estavam nesta quarta em baixa de 0,67% na abertura do mercado eletrônico Nasdaq, onde, na terça-feira, fecharam valendo US$ 239,93 cada.
 
Fonte: Oficina da Net » Notícias
Inflação na construção civil perde força e sobe 0,22% em agosto, aponta FGV


O Índice Nacional de Custo da Construção - Mercado (INCC-M), que mede a inflação na construção civil, subiu 0,22% em agosto, abaixo do resultado de julho, quando avançou 0,62%. Até agosto, o INCC-M acumula altas de 6,18% no ano e de 6,80% em 12 meses. Esta foi a oitava divulgação mensal isolada do índice, que representa 10% do Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M), e era sempre era anunciado apenas juntamente com o resultado do próprio IGP-M.  Ao detalhar o desempenho do índice em agosto, a FGV informou que os preços de materiais e equipamentos subiram 0,32% no mês, sendo que, em julho, a inflação deste segmento foi de 0,53%. Os preços dos serviços aumentaram 0,60% em agosto, ante 0,27% em julho. Já os preços de mão de obra subiram 0,06% este mês, após registrarem alta de 0,77% em julho. Desde janeiro, a Fundação Getúlio Vargas (FGV), que calcula os Índices Gerais de Preços (IGPs), anuncia o desempenho do INCC-M isoladamente, antes da divulgação do IGP-M de cada mês. A FGV lembra que o INCC-M é calculado com base nos preços coletados entre os dias 21 do mês anterior e 20 do mês de referência, assim como o IGP-M.

Fonte: Estadão
Idec: STJ prejudicou 1,5 mil ações para correção de poupança


A decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) sobre a correção monetária dos depósitos de poupança, nos quatro planos econômicos editados entre 1987 e 1991 (Collor I e II, Bresser e Verão), foi um ganho comemorado pelos poupadores prejudicados, mas, ao mesmo tempo, lamentado pela gerente jurídica do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), Maria Elisa Novais. Segundo ela, a definição de prescrição para as ações individuais em 20 anos e de cinco anos para as ações coletivas prejudica a grande maioria dos consumidores. Segundo os cálculos do Idec, cerca de 1,5 mil ações civis públicas (coletivas) foram prejudicadas porque o entendimento do STJ invalida todas as ações conjuntas movidas depois de 1994, que envolvem quase 99% de todos os poupadores com cadernetas de poupança à época. Segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), são 1.030 ações, das quais 15 foram movidas antes dos cinco anos. A expectativa, agora, é de que a jurisprudência firmada pelo STJ acelere os julgamentos dos próximos recursos, que devem ser decididos em massa. Ao todo, a Febraban estima que existam em torno de 800 mil processos tramitando em tribunais de todo o País contra agentes do Sistema Financeiro Nacional (SFN). Alguns bancos arrolados como réus nem existem mais, como os bancos estaduais privatizados ou desestatizados. O entendimento do relator dos dois recursos especiais julgados nesta quarta-feira pela Segunda Turma do STJ, Sidnei Bebeti, cujo voto foi acompanhado pela maioria dos ministros é que a decisão é válida para todas as ações que correm em qualquer instância jurídica, e delas não cabe mais recurso. Eles julgaram que os bancos devem devolver as diferenças não aplicadas na época, nas correções.

Fonte: Administradores.com.br - O Portal da Administração
Espanha cresce 0,2% no segundo trimestre


A economia da Espanha registrou um crescimento de 0,2% do PIB (Produto Interno Bruto, soma das riquezas produzidas no país) no segundo trimestre, na comparação com o primeiro (0,1%), quando o país saiu da recessão. Os dados, divulgados nesta quinta-feira (26) pelo INE (Instituto Nacional de Estatística), confirmam a leitura preliminar apresentada no último dia 13. Na comparação com o segundo trimestre de 2009, o PIB espanhol voltou a cair, 0,1% - resultado, no entanto, levemente melhor que a estimativa provisória anunciada pelo INE anteriormente, de uma queda de 0,2%. Ontem o INE informou que a economia da Espanha teve uma recessão ligeiramente mais profunda que o estimado no ano passado: o PIB espanhol caiu 3,7% em 2009, contra um retrocesso de 3,6% na leitura preliminar. A revisão foi resultado de uma mudança nos dados das vendas de produtos e serviços espanhóis ao exterior, que caíram 11,6% no ano passado. O dado preliminar mostrava uma queda de 11,5%. Já as compras de bens e serviços do exterior recuaram 17,8%, menos que os 17,9% da divulgação anterior. O governo do primeiro-ministro José Luis Rodríguez Zapatero tem promovido novas medidas de austeridade, uma reforma da atrasada legislação do mercado trabalhista e uma limpeza acelerada dos problemáticos bancos de poupança do país. O FMI (Fundo Monetário Internacional) espera que o PIB da Espanha registre uma retração de 0,4% em 2010 e tenha um crescimento de 0,6% em 2011. O fundo prevê que o rombo orçamentário do país será equivalente a 9,3% do PIB em 2010, cumprindo a meta do governo. Mas a instituição acredita que a Espanha não vai conseguir atingir a meta de um endividamento de 3% em 2013, que é a exigência da UE (União Europeia). Para o Fundo, o rombo no orçamento da Espanha vai ficar em 5,9% do PIB em 2013.

Fonte: R7
Baresi constata ansiedade e promete trabalhar lado psicológico

O técnico Sérgio Baresi ainda não sabe por quanto tempo vai ficar no comando dos profissionais do São Paulo, mas já projeta quais serão seus próximos passos no clube se tiver mais alguns dias de trabalho com o elenco. Depois do empate por 0 a 0 com o Vasco, na noite de quarta-feira, o treinador observou uma ansiedade excessiva do grupo e planeja corrigir o problema.  "Neste momento difícil que estamos passando, a ansiedade é uma barreira e joga contra. Se estivéssemos com tranquilidade na tabela, o último passe que erramos tanto na frente da área teria sido diferente. Esta questão é difícil, precisamos de calma na hora de definir a jogada", afirmou.  Apesar de não ter jogado bem, o São Paulo criou as melhores oportunidades da partida e parou nas mãos de Fernando Prass. Depois de ter inovado com treinos técnicos bem diferentes nos últimos dias, Baresi pensa agora na maneira de melhorar o emocional dos jogadores.  "Vou trabalhar a parte psicológica a partir de amanhã (quinta). Teremos um jogo-treino para quem não atuou hoje e vou trabalhar em cima disso, tentar explicar por que vivenciamos este momento. Será um bate papo curto e específico. Vamos decolar quando conseguirmos uma vitória", acrescentou.  O elenco do São Paulo se reapresenta na tarde desta quinta-feira, no CT da Barra Funda, pois tem novo compromisso no domingo, contra o Fluminense, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro. A presença de Baresi no duelo no Rio de Janeiro ainda não está garantida, já que a diretoria tricolor busca um treinador de renome para assumir a equipe o quanto antes.

Fonte: Abril.com
Taxa de desemprego de julho é a menor para o mês desde 2002, diz IBGEPlantão


A taxa de desemprego para o conjunto das seis regiões metropolitanas analisadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) marcou 6,9% em julho, a menor para o mês desde o início da série do organismo, em março de 2002. Em junho, o indicador registrou 7%. Em julho de 2009, estava em 8%.  Das seis regiões metropolitanas avaliadas, Salvador e Recife tiveram taxa de desocupação de dois dígitos em julho, de 12,3% e 10%, nesta ordem. Abaixo da média nacional, apareceram Porto Alegre (4,8%), Belo Horizonte (5,1%) e Rio de Janeiro (5,4%). Em São Paulo, o indicador marcou 7,2%.  O IBGE apontou ainda que o contingente de ocupados somou 22,020 milhões no mês passado, acima dos 21,878 milhões verificados em junho. O número de desempregados correspondeu a 1,644 milhão de pessoas em julho, com pequena mudança ante junho (1,647 milhão de pessoas).  Em julho de 2009, havia 21,332 milhões de ocupados e 1,854 milhão de pessoas desempregadas.  O levantamento trouxe também que o rendimento médio real habitual dos trabalhadores foi 2,2% maior no mês e 5,1% no comparativo anual, ficando em R$ 1.452,50.  Entre junho e julho, os empregados com carteira no setor privado verificaram alta de 2,5% no rendimento, que foi para R$ 1.352,80. Os empregados sem carteira verificaram reajuste de 7%, para R$ 1.062,20. Militares e funcionários públicos tiveram acréscimo de 1,8% no rendimento, para R$ 2.574,80, e trabalhadores por conta própria notaram elevação de 2,4% na renda, que alcançou R$ 1.197,90.

Fonte: O Globo - Matéria de Juliana Cardoso

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Clube Atlético Mineiro

 

Presidente desconversa após reunião rápida com grupo do Atlético-MG


Em entrevista coletiva na Cidade do Galo, o presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, afirmou que não é de falar muito com jogadores e foi isso que pôde ser verificado nesta quarta-feira. O mandatário atleticano chegou ao centro de treinamento às 15h15, se reuniu com os atletas, como havia prometido, e eles iniciavam o treinamento 20 minutos depois.Kalil voltou a dizer que não sabe quais são os problemas pelos quais o Atlético passa no momento e preferiu não comentar sobre a reunião com os jogadores. O presidente atleticano fez menção ao filme “À espera de um milagre” para justificar seu silêncio quanto ao encontro com os atletas. “O que acontece na ilha fica na ilha”, afirmou.Apesar da reunião com os atletas, Alexandre Kalil acredita que o encontro não terá efeitos imediatos em campo. “Se isso resolvesse, eu iria morar no CT. Se toda vez que eu falasse com jogador, o Atlético ganhasse, eu falaria três dias aqui”, destacou.O presidente atleticano disse que expôs aos jogadores apenas o “seu sentimento”. “Uma equipe tem de saber como a liderança está se sentindo. Como sou de pouca conversa com jogador, nunca fui boleiro, acho que eu tinha que colocar minha preocupação e colocar meu sentimento. Isso posso falar que coloquei, que é o mais puro sentimento da torcida do Atlético. O que foi falado foi, que agora todo mundo sabe, o sentimento do presidente do Atlético”, observou.O lateral-direito Rafael Cruz seguiu a linha do mandatário atleticano e não falou a respeito do que foi abordado por Alexandre Kalil na reunião que aconteceu no hotel da Cidade do Galo. “É coisa entre presidente, jogadores e comissão, então a gente prefere ficar entre nós para não acontecer nenhum tipo de problema”, disse.Com aproveitamento de 28,8% no Campeonato Brasileiro, o Atlético ocupa a 18ª colocação. A equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo foi derrotada em dez das 15 rodadas e é quem mais perdeu entre todos os 20 participantes. Diante dos maus resultados em campo, Alexandre Kalil afirmou que “se soubesse o que está faltando não estaria faltando há cinco rodadas”. O mandatário atleticano disse ainda que aceita conselhos sobre o momento vivido pelo clube."Se alguém puder me falar, vou ouvir. Estou tão aturdido como todos vocês, (imprensa) e nossa torcida. Não há receita para dar certo, mas há um caminho para o imponderável se tornar certo: pagamento em dia, jogador de gabarito. Fico completamente aturdido pelo que está acontecendo”, observou. “Ser dirigente na hora que está ganhando é muito fácil. Jogar culpa no treinador é mais fácil ainda. Nós temos ideia do que pode estar acontecendo e vamos tentar resolver”, complementou Alexandre Kalil, descartando a possibilidade de demitir o técnico Vanderlei Luxemburgo.

Fonte: Uol

Fonte: Gustavo Andrade - Em Vespasiano (MG)
Sérgio Odilon dos Anjos
Cooperativas de crédito de pequeno porte terão exigências simplificadas
A partir de 2011, as cooperativas de crédito de pequeno porte terão exigências simplificadas para comprovar a solidez perante o Banco Central (BC). O Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou nesta quarta-feira (25/8) novas regras para o setor, que preveem a diminuição do número de relatórios e de documentos enviados periodicamente ao BC. Segundo o chefe do Departamento de Normas do Banco Central, Sérgio Odilon dos Anjos, a redução das exigências beneficiará as cooperativas singulares – formadas por uma única entidade – com ativos menores que R$ 200 milhões. As novas regras também serão aplicadas às cooperativas centrais – formadas pela união de várias cooperativas – com ativos menores que R$ 100 milhões. Odilon afirmou ainda que a medida reduzirá os custos dessas instituições e deve se refletir na ampliação do crédito. “Constatamos que é possível reduzir a burocracia e a observação de riscos para cooperativas que fazem operações de crédito pouco complexas”, declarou. “As cooperativas vão contratar menos técnicos para preencherem os relatórios ao Banco Central, o que reduz custos”. O Banco Central poderá ainda reduzir o índice de segurança dessas instituições, pelo qual atualmente cada instituição precisa ter R$ 11 de capital para cada R$ 100 emprestados. Odilon não informou, no entanto, qual o novo limite que está sendo discutido. Nos próximos meses, o BC editará uma circular detalhando as exigências simplificadas. O chefe do Departamento de Normas, no entanto, adiantou algumas facilidades, como a dispensa de testes de estresse, a apuração dos riscos de juros, variação cambial e variação de cotação de mercadorias, além do preenchimento simplificado de demonstrativos. A nova avaliação contemplará apenas o risco de crédito (risco de inadimplência nos empréstimos). As novas regras representam novas medidas para simplificar a formação e administração das cooperativas de crédito. Em maio, o CMN havia autorizado o funcionamento de cooperativas de livre admissão – às quais qualquer pessoa pode se associar – em cidades com mais de dois milhões de habitantes. Na ocasião, o CMN também permitiu a formação de cooperativas por grupos sociais e associações de pessoas e empresas que pertencem a uma mesma cadeia de negócios. Antes, só era autorizada a criação de cooperativas de crédito de livre admissão ou por vínculos trabalhistas e profissionais. Atualmente, existem 1.307 cooperativas singulares e 38 cooperativas centrais de crédito no país. O setor representa mais da metade das 2,3 mil instituições financeiras fiscalizadas pelo Banco Central, mas responde por 2% do crédito no Brasil – algo em torno de R$ 3 bilhões. Segundo Odilon, as novas regras beneficiarão 95% das cooperativas singulares de crédito e 30% das cooperativas centrais.
 
Fonte: Correio Braziliense
 
Felipão
Felipão comemora absolvição e brinca na saída do Tribunal
O técnico Luiz Felipe Scolari, do Palmeiras, foi julgado pelo STJD nesta terça-feira pela expulsão no jogo contra o Atlético-PR e os auditores decidiram absolver o treinador, que poderia ser suspenso por até 12 partidas. Na saída do Tribunal, ele comemorou o resultado do julgamento e afirmou que vai tentar ser mais "tranquilo" durante os jogos. - A decisão foi justa porque eu não falei nada demais no jogo. Sempre quando somos analisados assim pelos árbitros a gente prcura estudar os lances para não repetí-los. Não tenho como mudar o meu jeito, mas vou procurar falar menos - disse ele. No momento em que daria seu voto, um dos auditores do STJD disse, em tom de brincadeira, que Felipão estava mais nervoso durante os jogos por ter chegado agora no Palmeiras e o time não estar tão bom. O treinador não deixou barato. - Queria fazer um adendo: o time do Palmeiras é bom, estamos trabalhando para acertar cada vez mais a equipe - brincou o comandante. Satisfeito com a absolvição, Scolari deixou o Tribunal brincando com algumas pessoas que trabalham no local. - Espero não voltar mais, vocês não vão me ver mais aqui... - disse o sorridente treinador.

Fonte: Lancenet

 STF

STF decidirá sobre humor na TV e rádio em ano eleitoral


O Supremo Tribunal Federal (STF) vai decidir se os programas de rádio e de televisão podem ou não podem veicular sátiras, charges e episódios humorísticos envolvendo políticos durante o período eleitoral.
A Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e TV (Abert) protocolou uma ação no STF pedindo que o tribunal declare inconstitucionais dispositivos da Lei Eleitoral que proíbem a transmissão desse tipo de programação nos meses que antecedem as eleições. "Ao criar restrições e embaraços a priori à liberdade de informação jornalística e à livre manifestação do pensamento e da criação, no âmbito das emissoras de rádio e televisão, os incisos II e III da Lei Federal nº 9.504/1997 instituem verdadeira censura de natureza política e artística, de forma totalmente incompatível com a Constituição da República", argumenta a Abert. A lei estabelece que no ano eleitoral, a partir de 1º de julho, as emissoras de rádio e de televisão estão proibidas de usar trucagem, montagem ou outro recurso de áudio ou vídeo que, de alguma forma, degrade ou ridicularize candidato, partido ou coligação. De acordo com a Abert, apesar de as emissoras serem concessões públicas, elas têm direito à liberdade de expressão, imprensa e informação, assim como os outros veículos de comunicação social."Os dispositivos legais em questão não se coadunam com a sistemática constitucional das liberdades de expressão e de imprensa e do direito à informação, garantias institucionais verdadeiramente constitutivas da democracia brasileira", alega a Abert, na ação. "Tais normas geram um grave efeito silenciador sobre as emissoras de rádio e televisão", acrescentou a entidade.
Fonte: Estadão - Matéria de MARIÂNGELA GALLUCCI - Agência Estado

 

Lindsay Lohan

Lindsay Lohan recebe alta da clínica de reabilitação

De acordo com o site Radar Online, especializado em celebridades, a atriz Lindsay Lohan (“Sorte no Amor“) saiu da clínica de reabilitação nesta terça-feira, 24. Ela estava internada desde o dia 02 de agosto, quando foi transferida da prisão ao qual deveria cumprir pena de 90 dias. A liberdade da atriz está condicionada a diversas proibições ordenadas pela corte de Bervely Hills. Entre as limitações estão cinco encontros semanais do grupo “Alcóolicos Anônimos”, sessões com psiquiatras várias vezes na semana e ainda deve residir na Califórnia até o dia 1º de novembro deste ano, não podendo participar de gravações fora do estado. Além disso, a atriz terá a obrigação de fazer teste para detectar álcool e drogas no sangue duas vezes por semana. Caso Lohan não cumpra as determinação ou não passe em nenhum desses teste, ela deverá cumprir 30 dias na prisão municipal. De acordo com a assessoria da atriz, Lohan não deve ir à estreia de “Machete“, marcada para o dia 25, e afirmou que ela deve levar a sério a sua segunda chance longe da cadeia. No começo do mês de julho, a juíza Marsha Revel decidiu pela condenação de  da atriz após ela faltar a nove sessões obrigatórias do programa reabilitação. Em sessões anteriores, a juíza já havia ordenado a colocação de uma pulseira no tornozelo da atriz, o qual detectaria teor alcoólico no sangue, caso a atriz ingerisse algum tipo de bebida. A pulseira, ativada no dia 07 de junho, levou apenas um dia para confirmar que a atriz andava bebendo. Lohan na época foi condenada a pagar US$ 200 mil. Por causa deste fato, a atriz foi condenada a sessões semanais de controles aleatórios de drogas para evitar a prisão. Sessões essas que a atriz acabou faltando e que resultaram no julgamento que determinou sua prisão.

 

 

Virada em NY alivia, mas Bovespa tem 5a queda seguida




Os dados econômicos foram ruins nos Estados Unidos, mas foi a Bovespa quem mais acusou o pessimismo internacional, fechando no vermelho pela quinta sessão seguida, ao contrário das bolsas de Nova York, onde os principais índices reverteram no final. Puxado pelo fraco desempenho das ações ligadas a metais, o Ibovespa recuou 0,54 por cento, para 64.803 pontos, o menor nível de fechamento em cinco semanas. O giro financeiro da sessão ficou em 5,5 bilhões de reais. "Melhorou um pouco lá fora no final, mas o clima como um todo ainda está muito ruim", resumiu Carlos Levorin, sócio da Grau Gestão de Recursos. "E os mercados lá fora tinham caído mais; era natural que em algum momento a Bovespa ia realinhar", complementou. Ações de companhias domésticas de commodities, a principal ligação do Brasil com o exterior, foram os principais alvos de ordens de vendas. Em destaque, as siderúrgicas caíram após um dado da véspera mostrando que o estoque de aço dos distribuidores atingiu em julho o pico histórico, com quatro meses de estoque, contra uma média histórica de 2,7 meses. CSN caiu 2,3 por cento, para 27,21 reais, seguida pelo papel preferencial da Usiminas, que recuou 2,2 por cento, a 45,39 reais. Ambas as companhias foram citadas pela Itaú Corretora como as que mais perdem com esse cenário. O papel preferencial da Vale foi pelo mesmo caminho, perdendo 0,97 por cento, a 40,93 reais. Em outra frente, as incertezas relacionadas ao processo de capitalização da Petrobras seguiram pesando e o papel preferencial da companhia cedeu mais 0,23 por cento, para 26,08 reais. Nesta quarta-feira, uma fonte da empresa disse à Reuters que o valor do barril do petróleo que será usado na capitalização pode ser divulgado a qualquer momento a partir desta quarta-feira. No plano internacional, a busca por barganhas fez os principais índices de Wall Street reverterem no final e fecharam no azul, após passarem o dia com perdas, em meio a novos sinais de fraqueza da economia norte-americana. O volume de novas encomendas de bens duráveis cresceu 0,3 por cento em julho, bem abaixo da previsão de alta de 2,8 por cento de analistas. E as vendas de moradias novas no país caíram 12,4 por cento em julho, para o menor volume anual já registrado. Na ponta de cima do Ibovespa, Braskem subiu 4,4 por cento, a 15,30 reais, após a Itaú Corretora ter elevado a avaliação de preço justo para do papel da petroquímica para o final de 2010. Fora do índice, Redentor marcou sua estreia com um salto de 37,3 por cento, a 7,55 reais. A companhia é resultado da cisão parcial com Equatorial Energia, que caiu 13,4 por cento, a 10,90 reais.


Fonte: O Glogo - Por Aluísio Alves/Agência Reuters

Ronaldinho Gaúcho


Ronaldinho Gaúcho é homenageado com o troféu do Barcelona

Com a equipe repleta de reservas, o Barcelona conquistou nesta quarta-feira, dia 25, o Troféu Joan Gamper ao vencer o Milan, nos pênaltis por 3 a 1, após empate por 1 a 1 no tempo normal. O grande destaque da partida, no entanto, aconteceu após o apito final no Camp Nou: o capitão Puyol pegou a taça e a entregou de presente para Ronaldinho Gaúcho. O ato mostrou a todos os 80 mil presentes no estádio a importância do craque para o clube catalão. O brasileiro do time milanês foi homenageado com um vídeo no telão do estádio, que exibiu seus melhores lances com a camisa azul-grená. Ronaldinho foi ovacionado pela torcida do Barça. Depois, foi cumprimentado e aplaudido por todos os jogadores, além de ter sido convidado por Puyol para sair na foto com a equipe catalã. No jogo, o brasileiro teve atuação apagada, o que não impediu os torcedores do Barça de o aplaudirem muitas vezes durante o confronto. Além de Ronaldinho, outra atração da partida foi o golaço de Inzaghi, que bateu de primeira após lançamento da esquerda. Antes disso, David Villa abrira o placar da partida após assistência do lateral-esquerdo brasileiro Adriano. Com o empate, o duelo foi para os pênaltis, com o Barcelona levando a melhor por 3 a 1. Pinto foi o destaque ao defender três cobranças - em uma delas, Pirlo tentou a cavadinha, mas o goleiro ficou no meio do gol e pegou sem dificuldades. Esta é a 34ª conquista da equipe catalã na competição, que serve de preparação para a temporada europeia. No final de semana, ambas as equipes farão suas estreias por seus campeonatos nacionais. O Barcelona, atual campeão, estreia fora de casa contra o Racing Santander, no domingo, enquanto o Milan, no mesmo dia, recebe o Lecce. O torneio Joan Gamper é organizado pelo Barcelona e realizado sempre na segunda quinzena de agosto, no Camp Nou, marcando o início da temporada na Espanha. O nome é em homenagem ao fundador e primeiro presidente do clube, o suíço Hans-Max Gamper Haessig.

Fonte: Band - Redatora: Ana Rosa

Lula

Reestruturação do Ministério da Defesa inclui 488 novos cargos

 

A reestruturação do Ministério da Defesa, aprovada nesta quarta-feira pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, inclui a criação de 488 novos cargos para a nova estrutura do Estado-Maior das Forças Armadas. O impacto previsto para o orçamento é de R$ 18,9 milhões. A sanção do projeto de lei complementar que criou o Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMC) foi feita hoje, em cerimônia no Palácio do Planalto. O projeto amplia os poderes do ministério da Defesa e permite que as Forças Armadas atuem nas áreas de fronteira com algumas atribuições policiais, como revistar pessoas e veículos e fazer prisões em flagrante. O Estado-Maior Conjunto será chefiado por um oficial-general de último posto e terá um comitê com os chefes das três Forças. Pela nova lei, o ministro da defesa exerce a direção superior das Forças Armadas, assessorado pelo Conselho Militar de Defesa e pelo EMC. Além disso, Lula assinou uma medida provisória que cria três cargos para o EMC; José Carlos de Nardi foi nomeado comandante da nova estrutura e mais dois secretários serão escolhidos. O presidente também sancionou o projeto de lei dos Jogos Militares Mundiais de 2011.


Fonte: Terra Brasil - Matéria de Tatiana Damasceno - Direto de Brasília

 Malam Bacai Sanha

Lula diz que Brasil e Guiné-Bissau devem trabalhar juntos para crescer

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta quarta-feira (25) que Brasil e Guiné-Bissau devem trabalhar juntos para que os dois países possam crescer. Entre as ações realizados pelo dois países, Lula destacou o treinamento de estudantes guineenses pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). De acordo com Lula, 150 estudantes da Guiné já estão no mercado de trabalho e 1,2 mil já fizeram cursos no Senai.  O presidente disse ainda que, em parceria com a Organização das Nações Unidas (ONU), o Brasil vai enviar uma missão técnica militar para reorganizar as Forças Armadas da Guiné. “Isso contribuirá para treinamento das tropas guineenses ajudando a transformá-las em agentes da paz e de transformação nacional”, afirmou Lula durante almoço no Ministério das Relações Exteriores na presença do presidente da Guiné-Bissau, Malam Bacai Sanha.  Ele disse ainda que a missão militar brasileira irá contribuir para treinar as Forças Armadas do país africano a realizar obras de engenharia como a construção de pontes e de cisternas.  O presidente da Guiné-Bissau destacou a atuação de Lula em iniciativas contra a pobreza e a desigualdade em todo o mundo e a cooperação entre os países do Sul. “É urgente reforçar nossa cooperação no plano bilateral e no plano Sul-Sul como forma de podermos minimizar os reflexos da crise financeira internacional que tem provocado efeitos negativos na segurança alimentar e nutricional dos grupos mais vulneráveis”, afirmou Sanha.   Sanha disse ainda que espera ver empresas brasileiras investindo na Guiné-Bissau em breve e aposta na construção de parcerias.  Os dois presidentes também assinaram acordos de cooperação técnica nas áreas de pesca e de saúde, entre outros atos.


Fonte: abril.com

  ERJ-145, da Embraer

Avião da Embraer faz pouso forçado em aeroporto da BA


Um avião modelo ERJ-145, da Embraer, usado pela companhia aérea Passaredo fez um pouso forçado na tarde de hoje no Aeroporto Pedro Otacílio de Figueiredo, na cidade baiana de Vitória da Conquista, a 509 quilômetros a sudoeste de Salvador. O trem de pouso do avião não teria funcionado, forçando uma aterrissagem "de barriga" na pista. Segundo a empresa, não houve feridos e técnicos foram enviados ao local para investigar as causas do defeito. De acordo com a assessoria de imprensa da Passaredo, o voo, que partiu no início da tarde do Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, levava 27 pessoas. Alguns passageiros entraram em estado de choque e precisaram ser atendidos por equipes do terminal. A pista do aeroporto baiano ficou fechada por cerca de 30 minutos.

Fonte: Estadão - Matéria deTIAGO DÉCIMO E SOLANGE SPIGLIATTI - Agência Estado