sexta-feira, 28 de junho de 2013

A MUSA DO TENIS


A BELISSIMA ELENA DEMENTIEVA

A MUSA DO TENIS ELENA DEMENTIEVA



  A TENISTA ELENA DEMENTIEVA EM AÇÃO


Elena Dementieva foi uma tenista profissional, nascida em 15 de outubro de 1981, em Moscou, na Rússia. Além de linda, Elena Dementieva era uma tenista das mais completas e ocupou durante muito tempo as melhores colocações  no ranking da WTA. Elena Dementieva é a atual campeã olímpica.  Medalha de Ouro, nas últimas Olimpíadas, realizadas em 2008, em Pequim, na China, na época Dementieva ocupava o quinto lugar no ranking e derrotou na final a sua compatriota, Dinara Safina, que então ocupava a sétima posição, por 2 x 1 sets, com parciais de 3/6, 7/5 e 6/3. Nas Olimpíadas de 2000, realizadas em Sydney, na Austrália, Dementieva, então com apenas dezenove anos, já havia feito um bonito papel, ao conquistar a Medalha de Prata, sendo derrotada apenas na final, pela norte americana Venus Williams, por 2 x 0 sets, parciais de 6/2 e 6/4. Em sua carreira, Elena Dementieva conquistou diversos torneios. Nos primeiros quarenta e cinco dias, do ano de 2010, Elena Dementieva venceu duas competições, importatíssimas, a primeira em 15 de janeiro, quando derrotou a norte americana, Serena Williams, atualmente a primeira colocada no ranking, na final do torneio de Sydney, 2010, por 2 x 0 sets, parciais de 6/3 e 6/2 . Em 14 de fevereiro, Elena Dementieva conquistou outro título, ao derrotar theca, Lucie Safarova, por 2 x 1 sets, parciais de 6/7 (5-70), 6/1 e 6/4, na final do WTA de Paris. A técnica de Elena Dementieva era a sua mãe, Vera Dementieva, uma senhora muito simpática,  que sempre acompanhava a filha, nos torneios, que a musa do tênis participava e mesmo fora das quadras, das arquibancada, a senhora, Vera Dementieva, instruia a filha, marcando sobre pressão a estonteante gata russa.

A MUSA E TENISTA ELENA DEMENTIEVA PREPARANDO-SE PARA JOGAR


Em dia 29 de outubro de 2010, após sua eliminação no WTA Championships, realizado, em Doha, no Catar, ao fim da partida, em que foi derrotada, pela tenista italiana, Francesca Schiavone, por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/2, Elena Dementieva, então, com 29 (Vinte e nove) anos, anunciou a aposentadoria. Elena Dementieva, além de conquistar inúmeros torneios de simples no tenis, também, conquistou diversos torneios, em duplas feminas e mistas. Também, nas duplas, Elena Dementieva ocupou durante muito tempo as melhores posições no Ranking. Ao final da partida em que foi derrota por Francesca Schiavone, Elena Dementieva solicitou que a tenista,  italiana, Francesca Schiavone permanece na quadra e convidou as outras tenistas, que partipavam do evento, para virem até o centro da quadra e com todas reunidas, Elena Dementieva, solicitou também a sua mãe, a senhora Vera Dementieva que viesse também a quadra. Atendida por todas, Elena Dementieva, agradeceu a todas elas  e enfatizou, a dedicação e força dada por sua mãe e técnica, a senhora Vera Dementieva, durante toda a sua carreira, terminando seu pequeno discurso com um "Mamãe eu te amo"!. Visivelmente emocionadas, todas aplaudiram, assim como todo o público presente ao evento, também aplaudiu, às palavras da tenista que então se aposentava precocemente. Coube então, a sua compatriota, a tenista, russa, Vera Zvonareva, que também participava daquele torneio, falar em nome de todas. Vera Zvonareva, também em rápido discurso, elogiou a carreira vencedora de Elena Dementieva e a agradeceu, por tudo que ela fez pelo tenis feminino, no mundo e em especial por tudo que ela fez pelo tenis da Rússia. Hoje, Elena Demetieva, desfruta de sua merecida, porém, precoce, aponsentadoria, em Montecarlo, em Mônaco, onde vive e mora com a senhora, Vera Dementieva, sua mãe e com seu marido, Maxim Afinogenov, jogador profissional de hóquei e passeia pela cidade, sendo sempre reconhecida, pelos fãs, sendo sempre muito solicita, quanto a ela são pedidos autógrafos, por grandes e inúmeros seus admiradores,  espalhados por todo o planeta. 

Pesquisa feita por Benigno Antonio Hermida Pinheiro Freire, com apoio e montagem de Yuri Barbosa dos Santos Hermida Pinheiro Freire

PF faz buscas para prender deputado dois dias após decisão do STF

Natan Donadon
A Polícia Federal continua nesta sexta-feira (28) a procura pelo deputado Natan Donadon (PMDB-RO), que teve prisão decretada pelo Supremo Tribunal Federal na quarta. A ordem do STF para prendê-lo chegou à PF na quinta. Durante todo o dia, a PF realizou buscas e monitorou vários pontos de Brasília e pessoas ligadas a Donadon, que não foi encontrado. Agentes procuraram o parlamentar também em  Porto Velho e Vilhena, em Rondônia. De acordo com o advogado de Donadon, Nabor Bulhões, o deputado deve se entregar à Polícia Federal ainda nesta sexta. "Ele vai se apresentar, como sempre foi seu desejo. Não se entregou antes porque a apresentação não é só sair de casa, tem uma logística. Mas a decisão já está tomada. Eu mesmo comuniquei ao Ministério da Justiça, à Polícia Federal e à Presidência da Câmara dos Deputados que ele vai se entregar hoje [nesta sexta]", disse Bulhões. A assessoria de imprensa da Polícia  Federal informou que o deputado será considerado foragido a partir das 10h. Agentes nos portos e aeroportos do país já foram acionados, mas a equipe de buscas ainda trabalha com a hipótese de que a probabilidade maior é que o deputado esteja em Brasília. Donadon é o primeiro parlamentar a ter prisão decretada pelo STF no exercício do cargo desde a Constituição de 1988. Ele foi condenado em 2010 pelo tribunal a 13 anos de prisão por peculato e formação de quadrilha, mas recorria em liberdade. Na quarta (26), o Supremo negou o último recurso possível e expediu o mandado de prisão.O advogado do deputado, Nabor Bulhões, afirmou na quarta que discorda da posição tomada pelo STF.  Para ele, a pena do deputado não poderia ser diferente da de outros réus condenados pelos fatos em outros tribunais. "Não se pode manter uma condenação definitiva de alguém que é partícipe, de uma pena de 13 anos, quando os autores foram condenados a 4 anos com a conversão da pena restritiva de liberdade em restritiva de direitos", disse. A ministra Cármen Lúcia, do STF, decidiu que a pena será cumprida em Brasília. Nesse caso, Donadon ficaria preso no presídio da Papuda. Mesmo com a ordem de prisão, Donadon continua deputado federal. Ele é alvo de processo na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados que pode levar à cassação de seu mandato. Se for aprovado na comissão, o processo de cassação segue para o plenário da Câmara, que decide se decreta ou não a perda do mandato. A perda do cargo será decidida na Câmara, uma vez que, durante o julgamento de Natan Donadon em 2010, os ministros não discutiram a questão. No caso do processo do mensalão, porém, o STF decidiu pelas cassações dos mandatos dos parlamentares condenados sem necessidade de votação na Câmara. Na noite da quinta, o diretório do PMDB de Rondônia informou que expulsou o deputado Donadon. A Câmara dos Deputados tenta encontrar Donadon desde a quarta-feira, sem sucesso. A Casa quer notificar o deputado sobre processo de cassação aberto contra ele na Comissão de Constituição e Justiça. Nesta quinta e na quarta, dia de abertura do processo, a Donadon não foi encontrado para a notificação. Segundo o relator do caso na comissão, deputado Sérgio Zveiter (PSD-RJ), sexta-feira será feita uma última tentativa de notificá-lo. “A secretaria da CCJ já deixou avisado que sexta às 10h estarão lá no gabinete para consolidar o fato de que ele foi procurado três vezes e não foi localizado”, explicou. Passada a tentativa, a Câmara poderá publicar a notificação e então passa a ser contado um prazo de cinco sessões da CCJ para a defesa do parlamentar. Zveiter apresentará um relatório e os deputados votarão se Donadon continua como deputado ou se perderá o mandato. Se a CCJ votar pela cassação, o caso ainda vai para o plenário da Casa. Donadon foi considerado culpado pelo Supremo  por supostamente liderar uma quadrilha que desviava recursos da Assembleia Legislativa de Rondônia. Os desvios teriam ocorrido entre 1995 e 1998, num total de R$ 8,4 milhões. A condenação foi decidida por 7 votos a 1, com pena de 13 anos, 4 meses e 10 dias de prisão em regime fechado, além de multa. Na época do julgamento, a defesa do ex-parlamentar negou as acusações e alegou que Donadon não foi responsável pelas supostas fraudes em licitações que teriam possibilitado os desvios. A defesa alegou que, na função de diretor financeiro da Assembleia Legislativa, Donadon limitou-se a assinar cheques. Natan Donadon foi condenado pelo STF em 28 de outubro de 2010. Um dia antes, no dia 27, ele renunciou ao mandato que exercia. No mesmo ano, porém, ele concorreu novamente a deputado pelo PMDB, foi eleito para um novo mandato e tomou posse em 2011.

Fonte: G1
Mais inflação e PIB menor, prevê o BC


Carlos Hamilton Araújo


Mais inflação e PIB menor, prevê o Banco Central trueA o que tudo indica, o governo está perdendo a guerra contra a inflação, a despeito da promessa da presidente Dilma Rousseff de que a estabilidade econômica é um bem precioso do qual não abre mão. A disseminação de reajustes contaminou tanto a indústria e o varejo, que o Banco Central foi obrigado a rever, de 5,7% para 6%, a sua estimativa para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) deste ano. Assumiu, ainda, que o custo de vida ficará, até o primeiro trimestre de 2015, sistematicamente acima do teto da meta definida pelo Conselho Monetário (CMN), de 4,5%. Na melhor das hipóteses, a média anual de inflação no governo Dilma será de 5,9%. Ao mesmo tempo em que elevou a previsão para o IPCA - há 29% de chance de o indicador estourar o teto da meta deste ano, de 6,5% -, o BC derrubou a projeção de crescimento para este ano, de 3,1% para 2,7%, número considerado extremamente positivo por técnicos do próprio governo, que já falam em expansão entre 1,5% e 1,9%, e pelo mercado financeiro. É justamente a escalada de preços que está minando o ritmo da atividade, ao reduzir o poder de compra das famílias e inibir os investimentos produtivos. As empresas temem ampliar a oferta, e, mais à frente, não terem para quem vender. Escalado para pregar o otimismo e minimizar os números que ele mesmo preparou, o diretor de Política Econômica do BC, Carlos Hamilton Araújo, garantiu que a promessa do presidente da instituição, Alexandre Tombini, de o país encerrar o ano com inflação abaixo de 5,84% ainda está de pé. "Estamos trabalhando para diminuir a inflação. Se vai ter (resultado), o futuro vai dizer", disse. "O BC dispõe de instrumentos, e está fazendo uso deles, para que a inflação permaneça sob controle. Inflação alta é uma coisa, e o BC reconhece que ela está elevada. Mas isso é diferente de inflação fora de controle", afirmou. Ele é o maior defensor de que a autoridade monetária force a mão na alta dos juros como forma de conter os reajustes. Desde abril, a taxa básica (Selic) subiu de 7,25% para 8% ao ano. Apesar de enfático, o discurso de Hamilton não convenceu o mercado. Jankiel Santos, economista-chefe do Espirito Santo Investment Bank, disse ser praticamente impossível que a inflação chegue ao fim deste ano em patamar inferior ao de 2012. "A não ser que a gente reze muito para São Pedro, e as condições climáticas puxem os preços dos alimentos para baixo, o custo de vida não cederá tão cedo", assinalou. No entender do economista, o Relatório Trimestral de Inflação divulgado ontem já nasceu morto, está ultrapassado, por não considerar, sobretudo, o repasse da alta do dólar para o consumidor. Ontem, após a divulgação do documento do BC, o mercado começou a refazer as estimativas para a inflação, movimento reforçado depois de o ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciar a retirada gradual do desconto de Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) de móveis e itens de linha branca. Segundo os analistas, mesmo que o repasse do imposto seja lento, terá impacto no custo de vida. "O quadro de inflação continua preocupante e a política fiscal não ajuda. Pelo contrário, estimula fortemente o consumo", argumentou Newton Rosa, economista-chefe da Sul América Investimentos. Na opinião de José Francisco de Lima Gonçalves, economista-chefe do Banco Fator, o BC explicitou que o quadro inflacionário piorou em vez de melhorar, o que só pode ser lido como a continuidade da alta dos juros, pelo menos até que a tendência do dólar fique mais clara e as expectativas do BC para a inflação se confirmem. Para os analistas, apenas um choque de juros derrubaria a inflação do ano para um número abaixo dos 5,8% observado em 2012 - estratégia que foi descartada por Carlos Hamilton -, mas isso empurraria o país para uma recessão, como aumento do desemprego, às vésperas das eleições de 2014, quando a presidente Dilma tentará a reeleição. Segundo o economista Caio Megale, do Itaú Unibanco, a forte oscilação do dólar, que ontem voltou a subir, fechando a R$ 2,196 para venda, pressionará ainda mais os indicadores de preços. A alta da moeda norte-americana frente o real, em 2013, tem potencial para elevar o IPCA em 0,5 ponto percentual. Megale destacou ainda que a redução do custo das passagens de ônibus e de pedágios só ajudará a amenizar a carestia no ano. Não à toa, o economista-chefe da Gap Asset Management, Alexandre Maia, sustenta que as chances de o BC estar certo, ao afirmar que a inflação deste ano ficará abaixo de 2012, são muito pequenas. Ele disse mais: "O BC terá de reduzir, mais uma vez, a projeção de crescimento para este ano. O consumo das famílias dá sinais de enfraquecimento importante e o mercado de trabalho está menos aquecido", observou. O diretor de Política Econômica do Banco Central, Carlos Hamilton, leu uma nota ontem, escrita pela assessoria de imprensa da instituição, na qual negou que tenha pedido demissão ou que estivesse insatisfeito com a condução da política econômica, claramente submetida aos interesses do Palácio do Planalto. "Tal informação não corresponde aos fatos", garantiu. Ele afirmou também que o BC procura tomar, sempre, a melhor decisão para o país. "Se foi certa ou errada, não cabe a mim me manifestar."

Fonte: Em Tempo Real




quinta-feira, 27 de junho de 2013

CIÊNCIA


ESPÉCIE DE ANTÍLOPE CONSIDERADA EXTINTA A MAIS DE DOZE ANOS FOI VISTA E CAPTURADA NO ANO DE 2009 NO LAOS

 ANTÍLOPE SAOLA


Um antílope saola, considerado extinto há aproximadamente doze anos, foi visto e capturado pela primeira vez em agosto de 2009, na cordilheira Anamita, uma região montanhosa,  que vai do Laos, até o Vietnã. Fotografado em uma vila, da província de Bolikhamxay, no Laos, país do sudeste asiático, O animal passou a ser procurado e finalmente foi capturado, pelos habitantes da região. Mas de acordo com a União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN, na sigla em inglês), o animal, que é um dos mais raros do mundo, infelizmente, morreu após ser mantido em cativeiro pelos moradores do local.  O antílope saola era um macho e seu nome  científico é pseudoryx nghetinhensis. O animal morreu antes mesmo que um técnico da IUCN conseguisse chegar ao local, no centro do país, para examiná-lo e estudá-lo.  A espécie enigmática é conhecida por ter hábitos arredios e tem sido associada a unicórnios, apesar de possuir dois chifres. Segundo o governo dos Laos, a morte do raro espécime é uma grande perda para a ciência. Porém, novos esforços vêm sendo feitos para tentar encontrar outros espécimes, do antílope saola, na região.  Os cientistas da  IUCN  acham  ser  possível encontrar outros antílopes saolas, embora  considerem  difícil a tarefa.  Especialistas da IUCN, até hoje, ainda estudam a carcaça do animal encontrado, para entender como mantê-lo em cativeiro, caso consigam encontrar novos espécimes deste animal. Esses antílopes não existem em zoológicos e ainda a soltura na natureza, também pode causar sua própria  extinção.

Pesquisa feita por Benigno Antonio Hermida Pinheiro Freire, com apoio e montagem de Yuri Barbosa dos Santos Hermida Pinheiro Freire

Merkel lança alerta sobre desemprego juvenil na UE


Angela Merkel


A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, expressou "grande preocupação sobre a questão do desemprego dos jovens na Europa" e afirmou que é necessária uma ação maior para resolver esse problema. "Milhares de empregos estarão em risco se não for encontrado um acordo sobre o orçamento da União Europeia (UE) até o verão", declarou Merkel durante um discurso no Bundestag, a Câmara baixa do Parlamento alemão. A chanceler afirmou que são necessários 6 bilhões de euros (cerca de R$ 18 bilhões) para contrastar o desemprego juvenil nos próximos dois anos. Merkel também comentou o acordo sobre as regras para os resgate dos bancos - feito na noite da última quarta-feira durante a cúpula dos ministros da Economia dos países europeus, o Ecofin - afirmando que "é algo realmente necessário para que os bancos europeus possam voltar a recuperar confiança". A chanceler também afirmou que é necessário chegar a uma união bancaria na Europa. Nos últimos meses, a chefe de Governo tinha alertado com frequência sobre a dimensão do problema do desemprego juvenil. Em maio, ela tinha declarado que a Europa estava "ema uma fase decisiva" para decidir seu futuro e que seria necessário melhorar a mobilidade interna da UE "convidando os jovens nos países onde há empregos".

Fonte: O Repórter

Inflação do aluguel acelera em junho, mostra FGV


O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), conhecido como inflação do aluguel, porque é usados para reajustar a maioria dos contratos imobiliários, acelerou 0,75% em junho, depois de não ter variado em maio. Em junho de 2012, a variação foi de 0,66%. No ano, até junho, o índice acumula alta de 1,74% e, em 12 meses, de 6,31%.Usado no cálculo do IGP-M, o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), conhecido como a inflação do atacado,  variou 0,68%, contra queda de 0,30% no mês anterior. O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), chamado de inflação no varejo, registrou variação de 0,39%, em junho, ante 0,33%, em maio. O  principal destaque partiu da variação de preços do grupo habitação (de 0,22% para 0,64%), com a maior influência partindo do item tarifa de eletricidade residencial, cuja taxa passou de -1,20% para 0,08%. O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), também integrante do cálculo do IGP-M, registrou em junho, variação de 1,96%, acima do resultado de maio, de 1,24%. O índice relativo a Materiais, Equipamentos e Serviços registrou variação de 0,58%. No mês anterior, a taxa havia sido de 0,56%. O índice que representa o custo da Mão de Obra variou 3,24%. Na apuração referente ao mês anterior, o índice variou 1,88%.

Fonte: G1

quarta-feira, 26 de junho de 2013

CURIOSIDADES


SALTO DEL ANGEL A MAIS ALTA CASCATA DO MUNDO

Situada na Venezuela está à maior cascata da Terra, o Salto Del Angel, com cerca 1.005 metros de altura. Localizado no Rio Churum, no Parque Nacional de Canaima, no Estado de Bolívar, no sudeste da Venezuela, próximo das divisas do Brasil e da Guiana, o Salto Del Angel ou Cataratas Del Angel, que recebeu dos nativos o nome “Parekupa-Meru”, é uma das maiores atrações turísticas da Venezuela e de todo o globo terrestre, recebendo todos os anos milhares de visitantes, entre ele esportistas, adeptos de esportes radicais, que usam o local para escaladas, para-pente, vôo de asa delta, etc., ou simplesmente para caminhadas naquele bucólico local.

Pesquisa feita por Benigno Antonio Hermida Pinheiro Freire, com apoio e montagem de Yuri Barbosa dos Santos Hermida Pinheiro Freire

Câmara aprova divisão de royalties entre educação e saúde


Henrique Eduardo Alves 

O projeto tinha 11 pedidos de destaque (votaHenrique Eduardo Alvesção em separado de partes do texto), dos quais 10 foram retirados a pedido do presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN). A destinação dos recursos obtidos com royalties para a educação é uma das bandeiras dos movimentos que tomaram as ruas dos País nas duas últimas semanas.​ Por sugestão do deputado Ronaldo Caiado (DEM-GO), Figueiredo dividiu os recursos obtidos com a exploração de petróleo entre saúde e educação, na ordem de 25% e 75%, respectivamente. União, Estados e municípios serão obrigados a adotar esse percentual. Após horas de discussão, o plenário da Câmara dos Deputados aprovou um substitutivo (texto que substitui o original) ao projeto de lei que destina os recursos dos royalties de petróleo para a educação. Na tentativa de viabilizar a votação da matéria, o relator André Figueiredo (PDT-CE) mudou duas vezes seu relatório. O parecer do relator foi aos projetos de lei 323/07 e 5500/13 - um deles já estava em tramitação na Casa e outro foi enviado pela presidente Dilma Rousseff. Outros projetos semelhantes foram apensados. Agora, o projeto segue para o Senado. Outra mudança feita no texto destina 50% de todos os recursos do Fundo Social do pré-sal à educação. O texto original do Executivo definia que metade apenas dos rendimentos do fundo seria destinado para esse fim. Segundo o deputado Alessandro Molon (PT-RJ), o texto antigo garantia cerca de R$ 25 bilhões para a educação nos próximos 10 anos. A mudança aumenta a cifra para R$ 200 bilhões. O único destaque votado determinava que todos os contratos exploração de petróleo deveriam ter a divisão de 75% dos royalties para a educação e 25% para a saúde. O líder do governo na Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), lembrou que a medida poderia suscitar questionamentos dos Estados produtores de petróleo no Supremo Tribunal Federal (STF) por mexer em contratos que já estão em vigor. Desta forma, ficou definido que as regras somente vão valer para contratos firmados após 3 de dezembro do ano passado (data em que foi editada uma medida provisória que vinculava os recursos dos royalties a investimentos em educação). Figueiredo também limitou o uso dos recursos do Fundo Social do pré-sal até que sejam atingidas as metas do Plano Nacional de Educação (PNE), que determina que 10% do Produto Interno Bruto (PIB, a soma de todas as riquezas produzidas no País) sejam aplicados na educação dentro de 10 anos.

Fonte: Portal Terra

Plebiscito para Constituinte exclusiva é ato de grande insensatez, diz jurista


Oscar Vilhena 
A proposta de plebiscito sobre a convocação de uma Constituinte exclusiva sugerida pela presidente Dilma Rousseff nesta segunda-feira (24) gerou debate entre os juristas. Para os que defendem o rigor na interpretação da Carta, não há qualquer dispositivo que permita a medida. Para outros, as normas não podem impedir que sejam feitas as mudanças que o Congresso se recusa a enfrentar. O professor de Direito Constitucional da FGV-SP Oscar Vilhena destaca que não há protocolo para alterar a Constituição por plebiscito. “Isso é um ato político de grande insensatez. Seria um ato de ruptura constitucional”, afirma. Segundo ele, a presidente deveria encaminhar ao Congresso uma proposta de reforma que, após aprovada no legislativo, passaria por referendo. O jurista José Afonso da Silva ressalta que a realização da consulta popular dependeria de emenda constitucional por parte dos deputados e senadores. Ele aponta ainda que há muitos pontos controversos na reforma política, o que dificultaria a realização do plebiscito. “Qualquer reforma política tem que levar em conta duas exigências: a governabilidade e a representatividade”, avalia. Ele explica que o sistema mais favorável à governabilidade é o distrital puro, no qual o território brasileiro seria dividido em distritos. No entanto, dadas as dimensões continentais do país, seria difícil estabelecer a divisão. O sistema de representação proporcional beneficia a representatividade, mas – de acordo com o jurista – compromete a governabilidade, especialmente em um modelo de muitos partidos e de indisciplina partidária.

Fonte: Globo News

terça-feira, 25 de junho de 2013

FRASES CÉLEBRES

 "EU TENHO UM SONHO O SONHO DE VER MEUS QUATRO FILHOS SEREM JULGADOS
PELOS SEUS ATOS E NÃO PELA COR DA SUA
PELE” -  MARTIN LUTHER KING JR


 MARTIN LUTHER KING JR

Esta é mais uma, de tantas frases célebres, do Pastor Martin Luther King. Esta frase foi dita no seu discurso, proferido em 28 (vinte oito) de agosto de 1963, o mais famoso dos seus discursos, realizado nos degraus do Lincoln Memorial, na cidade de Washington, capital, dos Estados Unidos da América, perante cerca, duzentas mil pessoas, na famosa e histórica,  Marcha de Washington, por Empregos e Liberdade, um decisivo momento, na história, do Movimento Americano pelos Direitos Civis, nos Estados Unidos da América do Norte, onde a platéia o aplaudiu delirantemente. Martin Luther King, em toda a sua vida se destacou pela defesa dos direito civis e dos direitos sociais, para negros e mulheres. Martin Luther King Jr nasceu no dia 15 (quinze) de janeiro de 1929, na cidade de Atlanta, capital do estado da Geórgia, nos Estados Unidos da América do Norte e faleceu no dia 04 (quatro) de abril de 1968, assassinado, em Memphis, a maior cidade, do estado do Tennesse, nos Estados Unidos da América do Norte. O assassino de Martin Luther King Jr foi um homem branco chamado, James Earl Ray, que se declarou, então, na época o autor do tiro que o matou. Porém, há teses que, na verdade, Martin Luther King Jr, foi assassinado por um complô dirigido pelos radicais e pelos racistas do governo dos Estados Unidos da América do Norte, insatisfeitos pela conscientização que Martin Luther King Jr, à época, levava ao povo, dos Estados Unidos da América do Norte e ao mundo como um todo. O grande, Martin Luther King Jr era um pastor protestante e um ativista político. Ele foi o mais importante, dos lideres do movimento dos direitos civis, dos negros, nos Estados Unidos da América do Norte e um dos mais importantes do mundo, pelos mesmos direitos. A luta pelos direitos civis dos negros e das mulheres, travada por ele, Martin Luther King Jr, sempre teve um tom paz, Martin Luther King, detestava e abominava qualquer tipo de violência. Para ele, a violência nada resolvia e apenas gerava novas violências. Na data de 14 (quatorze) de outubro de 1964, Martin Luther King Jr recebeu o Prêmio Nobel da Paz, por sua luta, legitima e pacífica. Sempre combatendo o preconceito e o racismo e, defendendo a luta pacífica, baseada no amor ao próximo, como forma de construir um mundo melhor e baseado na igualdade de direitos sociais e econômicos, Martin Luther King tornou-se famoso. Em 1948, Martin Luther King, formou-se em Sociologia e no ano de 1953, casou-se com Coretta Scott King, com quem teve quatro filhos. A intensidade da luta de Martin Luther King ganhou força, em 1955, quando,  Rosa Parks, uma mulher negra e norte americana, negou-se terminantemente a ceder o seu lugar, a uma mulher branca, em um ônibus, na cidade de Montgomery, capital do estado do Alabama, nos Estados Unidos da América do Norte. Na época as leis do estado do Alabama, obrigavam os negros, a ceder seus lugares aos brancos, nos ônibus, quando não houvesse mais lugar, na condução. A segregação racial vigorava como lei em todo aquele estado e até mesmo, em outros estados, dos Estados Unidos da América do Norte. Rosa Parks, então, pelo descumprimento daquela sórdida lei, foi presa em flagrante e encarcerada, para aguardar julgamento, por desobediência àquela lei. A comunidade negra, homens e mulheres, daquela cidade fizeram um protesto, organizando um boicote aos ônibus de Montgomery, em uma campanha que durou um ano e dezesseis dias. Martin Luther King e muitos outros grandes homens e mulheres, norte americanos, negros e até mesmo, muitos brancos, homens e mulheres, aderiram à luta, da comunidade negra, norte americana, da capital do Alabama, Montgomery, o que valeu a Martin Luther King Jr, por ser ele um dos lideres da campanha, algumas ameaças de morte, além de ter a sua casa atacada e, ele, Martin Luther king Jr, durante essa luta, também, foi preso, acusado de desobedecer às leis do estado do Alabama e de sua capital Montgomery,.Mas logo foi libertado. Por fim, Martin Luther King e seus companheiros sentiram o sabor da vitória, quando a Suprema Corte dos Estados Unidos da América do Norte tornou ilegal a lei da segregação racial nos pais. Em 1986, o governo dos Estados Unidos da América do Norte, determinou que a terceira segunda feira, do mês de janeiro, que é sempre próxima ao aniversário de Martin Luther king Jr, fosse feriado nacional nos Estados Unidos da América do Norte. Em homenagem ao grande, Martin Luther King Jr. Este dia passou conhecido, então,  no mundo todo como o chamado Dia de Martin Luther King. Feriado este que é muito comemorados nos Estados Unidos da América doNorte e muito conhecido mundo afora.

Pesquisa realizada por Benigno Antonio Hermida Pinheiro Freire, com apoio e montagem de Yuri Barbosa dos Santos Hermida Pinheiro Freire

Mara Maravilha aprova cura gay


Mara Maravilha


A artista Mara Maravilha faz parte da minoria que aprova a “cura gay”, proposta pelo pastor e deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP). Enquanto boa parte dos artistas se utilizam das redes sociais para mostrar sua indignação com o projeto de lei, Mara Maravilha não hesita em dizer que aprova a ideia considerada pela população brasileira como preconceituosa. De acordo com Mara Maravilha, existem homossexuais que querem ser curados deste mal que os atormenta. Ela concedeu uma entrevista ao programa da RedeTV! chamado Morning Show defendendo fervorosamente Marco Feliciano, alvo de críticas justamente por presidir a Comissão de Direitos Humanos. A proposta da “cura gay” diz respeito a uma lei que apóia o tratamento de homossexuais através de consultas a psicólogos. A homossexualidade é tratada como uma doença e Mara Maravilha acredita piamente nisto. A declaração veio a público na manhã de segunda-feira (24). A afirmação da artista revelou que ela gosta bastante e mantém respeito por Feliciano. Mara Maravilha deixou claro que todas as pessoas têm direito a dar suas opiniões e essa é a dela. Ela é evangélica e disse que é preciso respeitar as pessoas que são gays assim como as convicções de quem não pensa como um gay, que seria o caso dela. Ela chega a falar que considera a opção sexual como uma aberração e os pais e mães dessas pessoas não concordam com a atitude homossexual. Mara Maravilha afirma que não considera bonito duas pessoas heterossexuais ficarem se beijando em público, quem dirá dois homens ou duas mulheres na mesma situação. É menos aceitável ainda. A cantora evangélica relata que conhece casos de gente que busca a cura para a homossexualidade e não vê o momento de ser livre dessa aberração. Ela chega a dizer que as pessoas que não concordam com essa visão, também a ataca com preconceito. Mara Maravilha pensa que os artistas que aparecem beijando os outros em uma campanha contra a “cura gay”, querem somente se promoverem. Mara Maravilha já foi apresentadora infantil da televisão brasileira e teve o auge de sua carreira na década de 1980. Depois que a boa fase acabou, ela se converteu e se tornou cantora gospel.

Fonte: NoticiasBR 

Berlusconi é condenado a prisão por prostituição de menores e abuso de poder


Silvio Berlusconi


O dono do Milan e ex-primeiro ministro italiano, Silvio Berlusconi, foi condenado a sete anos de prisão por prostituição de menores e abuso de poder. O cartola também não poderá exercer nenhum cargo público na Itália. Acusado de pagar para ter relações sexuais com uma menina de 17 anos em 2010, Berlusconi nega todas as acusações e ainda pode recorrer, o que deve prorrogar sua liberdade. A sentença foi dada na última segunda-feira (24 de junho) na Corte de Milão.

Fonte: Fox Sports 

segunda-feira, 24 de junho de 2013

BEATLEMANIA

YESTERDAY NO GUINNES BOOK

Yesterday é a canção mais conhecida dos Beatles, não necessariamente a mais bonita. Apesar de creditada a Lennon e McCartney, por força de acordo, sabe-se que Yesterday é uma canção escrita inteiramente por Paul McCartney. O próprio John Lennon em diversas ocasiões deixou isso claro. Paul McCartney escreveu Yesterday, numa manhã de 1965, logo depois de acordar de um sonho. Alguns profissionais do mundo musical e radiofônico afirmam que Yesterday foi e continua sendo até hoje a canção mais tocada em rádios em todo o mundo, em todos os tempos, outros desses profissionais afirmam que ela já foi, mas que hoje em dia a mais tocada nas rádios do mundo, em todos os tempos é Dancing Queen, do grupo sueco Abba, gravada em 1975 e lançada em 1976. Esta dúvida com certeza permanecerá por muito tempo ainda. Mas, o certo, é que em questão de regravações, Yesterday, continua imbatível. Segundo o Guinnes Book, há para Yesterday, mais de três mil regravações, sendo ela a música mais regravada de todos os tempos. Milhares de cantores, cantoras, bandas, orquestras, grupos vocais, etc., regravaram yesterday, desde 1965, quando ela foi lançada, entre grandes nomes da música no mundo que regravaram esta Yesterday, estão entre outros: Frank Sinatra, Elvis Presley, Ray Charles e Plácido Domingo, grande tenor e maestro espanhol. Até diversos artistas brasileiros regravaram Yesterday.


 PAUL MCCARTNEY 

Vídeo dos Beatles cantando Yesterday,  ao vivo em um concerto em Tóquio, no link abaixo

Pesquisa feita por Benigno Antonio Hermida Pinheiro Freire, com apoio e montagem de Yuri Barbosa dos Santos Hermida Pinheiro Freire

Beyoncé anuncia shows em quatro capitais brasileiras


Beyoncé 


Beyoncé fará turnê de "The Mrs. Carter Show" em quatro capitais brasileiras, em setembro. Antes da participação no Rock in Rio, no dia 13/9, a cantora se apresentará na Arena Castelão, em Fortaleza, no dia 8 e em Belo Horizonte, no Mineirão, dia 11.  Depois do Rock in Rio, Beyoncé vai para São Paulo, onde se apresenta dia 15, no estádio do Morumbi. A turnê será encerrada em Brasília, no Estádio Nacional, dia 17.  Beyoncé traz "The Mrs. Carter Show" para o Brasil em setembro. O ingressos serão vendidos no siteLivepass. A partir de 28/6 começam as vendas para a apresentação em São Paulo. No dia 3/7 começam as vendas para o show em Brasília, em 11/7, para Fortaleza e em 20/7, para Belo Horizonte.

Fonte: DIÁRIO DO GRANDE ABC

Reforma política tem proposta de inciativa popular


Marcus Vinícius Furtado


Uma nova campanha popular em apoio às manifestações das ruas foi lançada nesta segunda-feira (24/6) pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE). A proposta prevê mudanças na lei eleitoral, na tentativa de aprimorar o sistema em vigor no país. Para ser encaminhada ao Congresso Nacional e poder tramitar como projeto de iniciativa popular serão necessárias 1,6 milhão de assinaturas, cerca de 1% do eleitorado brasileiro. A coleta de assinaturas será de forma presencial e por meio da Internet no site: www.eleicoeslimpas.org.br. O projeto prevê o fim do financiamento de campanhas eleitorais por empresas privadas, limite para doação de pessoa física para partidos e escolha de deputados, senadores e vereadores em dois turnos. A escolha dos parlamentares seria feita numa primeira votação para os eleitores votarem apenas nos partidos e com isso definir o número de cadeiras que cada partido teria direito. No segundo turno, seriam escolhidos os candidatos a partir de uma lista escolhida pelos partidos com o dobro de nomes que cada agremiação política teria direito. As três entidades afirmaram que essa nova iniciativa pretende repetir o projeto da Ficha Limpa que proibiu a candidatura de políticos condenados por órgão colegiado da Justiça ou punidos por tribunais de contas. De acordo com o MCCE, a mudança na forma de eleição dos parlamentares visa tornar a eleição mais representativa e evitar que um único candidato seja responsável pela eleições de vários outros, como aconteceu nas eleições passadas quando o palhaço Tiririca, concorrendo pelo PR-SP, elegeu quatro parlamentares ao ter cerca de um milhão e trezentos mil votos. O presidente da AO, Marcus Vinícius Furtado, ressaltou ainda que, além da nova iniciativa popular, as três entidades querem ainda a criação de um comitê de controle social de gastos públicos para cobrar o cumprimento da Lei de Acesso à Informação e da Lei da Transparência, que obrigam a divulgação de informações por órgãos públicos. Ele também aproveitou a entrevista para criticar o vandalismo e as ações violentas da polícia em vários estados. Segundo Furtado, os governos estaduais devem apoiar a população e não reprimir os manifestantes.  Marcus Vinícius disse ainda que a OAB deverá propor ainda um projeto para aplicação de 10% do orçamento em saúde pública e cobrará a aprovação de projeto de lei que determina o investimento referente à 10% do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil em educação. Ele destacou ainda a ação protocolada no Supremo Tribunal Federal (STF) para que o Congresso vote a lei de Código de Defesa dos Usuários de Serviços Públicos.

Fonte: Jornal do Brasil

sexta-feira, 21 de junho de 2013

CULTURA

A PARADISÍACA MARTINICA

 A BELA ILHA DA MARTINICA

Descoberta, segundo a história, no ano de 1502, por Cristóvão Colombo, a Ilha da Martinica está situada no Mar do Caribe.
 SAINT-PIERRE

 É uma possessão francesa, sua capital era Saint-Pierre, mas uma erupção do vulcão o único da ilha em 1902, destruiu toda a cidade, matando todos os seus habitantes, uma população, então estimada em 30.000 (trinta mil) habitantes, com a exceção de uma única pessoa, um prisioneiro, que estava encarcerado em um calabouço.
 FORT DE FRANCE

Depois do cataclismo, as autoridades francesas que administram a ilha construíram uma nova capital, chamada Fort de France.

Adicionar legenda
 A PRAIA DE LES SALINES NA ILHA DE MARTINICA UMA DAS MAIS BELAS DA ILHA

Por suas paisagens paradisíacas e pelas Águas cristalinas de seu mar, a Martinica é muito procurada pelos turistas de todo o mundo, que ali encontram muita tranqüilidade e um povo muito hospitaleiro.

 A BELA ILHA DA MARTINICA E AO SUL A ILHA DE SANTA LÚCIA

Por toda a sua beleza a Martinica é chamada de “Pérola das Antilhas” e está situada próximo a ilha de Santa Lúcia.
 PRAIA DE MADIANA

O idioma oficial da Martinica é o francês, falado por todos os seus habitantes e seus principais pontos turístico são sem dúvida alguma suas magníficas e lindas prais.

Pesquisa feita por Benigno Antonio Hermida Pinheiro Freire, com apoio e montagem de Yuri Barbosa dos Santos Hermida Pinheiro Freire
Brasileiro é escolhido para ‘melhor emprego do mundo’



Roberto Seba


O fotógrafo brasileiro Roberto Seba, de 31 anos, é um dos seis vencedores do concurso "Os Melhores Emprego do Mundo", lançado em março pelo governo da Austrália. O concurso faz jus ao nome: Seba vai receber 100.000 dólares para a difícil tarefa de passar seis meses fotografando as atrações da cidade de Melbourne, no estado de Victoria, costa sul do país.  Lançado com o objetivo de promover o turismo australiano entre jovens de outras nações, o concurso contabilizou cerca de 620.000 inscrições de pessoas de 196 países. Todas enviaram vídeos de 30 segundos explicando por que deveriam ser selecionadas. Além de Seba, os outros sortudos recém-empregados são: Elisa Detrez, da França; Allan Dixon, da Irlanda; Rich Keam, da Inglaterra; Greg Snell, do Canadá; e Andrew Smith, dos Estados Unidos.  Eles também receberão 100.000 dólares para desempenhar funções por seis meses. Em Queesland, no nordeste do país, o cargo a ser preenchido é o de patrulhador de praias; em South Austrália, no sul, o vencedor cuidará de cangurus, golfinhos e leões-marinhos; já no Northern Territory, ao norte, a missão vai ser explorar o deserto australiano.  Os outros dois postos são para desfrutar bebidas e comidas típicas do lado ocidental do país e para frequentar eventos, desfiles e festivais, em Sydney. Vencedor da categoria "lifestyle photographer" (fotógrafo de estilo de vida), Seba passou por três etapas de seleção. Na última, viajou à Austrália com todas as despezas pagas para se apresentar a uma comissão julgadora.

Fonte: veja.com
 



Termina reunião entre Dilma e Cardozo para analisar onda de protestos





Dilma


Confirmou apenas a presença do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo. Dilma e o ministro saíram calados da reunião. A reunião começou às 9h30. Os detalhes da pauta não foram divulgados, mas fontes afirmaram que um pronunciamento presidencial sobre o tema poderia ser considerado. Por causa das manifestações, Dilma cancelou uma viagem que faria ao Japão sob argumento de que "não seria bom passar uma semana fora do país" neste cenário. Ela também adiou o lançamento do Plano Safra para o semiárido, evento que ocorreria hoje em Salvador. Dilma vem acompanhando de perto a onda de protestos por meio de seus auxiliares. Responsável pela inteligência e pela segurança presidencial, o ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), José Elito, admitiu que o sistema de inteligência do país vem monitorando os movimentos.

Fonte: Jornal do Brasil

quinta-feira, 20 de junho de 2013

MONTANHISMO EM TERESÓPOLIS  

PEDRA DA GALINHA


FOTOGRAFIA DA ELEVAÇÃO "PEDRA DA GALINHA"

Como a maioria de vocês devem saber,Teresópolis é a capital nacional do montanhismo e como tal, possui diversas pedras e montes espalhados pelo município. Hoje irei falar de uma pedra que não é tão conhecida, como o Dedo de Deus ou, a Pedra do Sino, mas nem por isso deixa de ser alvo de montanhismo na cidade. A pedra a qual me refiro é a Pedra da Galinha, também conhecida como Pedra dos Cadetes.Com 1350 metros acima do nível do mar, essa bela pedra possui esse nome "característico" devido ao fato do cume da mesma ter um contorno parecido com o de uma "crista de galinha". Esta pedra pode ser facilmente visualizada da entrada do Hospital São José e também do bairro Agriões, tendo-se a impressão de que o caminho para ela seja acessado através do bairro de Corta Vento.Mas na verdade a Pedra da Galinha fica localizada entre os bairros Iúcas e Jardim Serrano. Atualmente a base da pedra conta com diversas trilhas para a escalada e caminhada. Uma delas fica em Iúcas, mas está em desuso atualmente, devido a falta de segurança. Em compensação o bairro Jardim Serrano conta com diversas trilhas para a montanha, sendo que a principal delas fica próxima ao nº 121, na estrada Abelardo da Cunha. Começando a caminhada avista-se a mata atlântica que fica no entorno e na extensão da pedra. Subindo-se um pouco mais dá para se ter uma noção do que ela nos proporciona, avistando-se os bairros Iúcas,Corta Vento, Agriões, Panorama, Jardim Serrano e Quebra Frascos. No cume da Pedra da Galinha temos uma visão panorâmica de toda a cidade e também da Serra dos Órgãos. No topo da montanha há uma nascente que abastece a população do Jardim Serrano e proximidades. A natureza também dá um show de exuberância com sua fauna e flora presentes. Há porém um lado triste neste maravilhoso passeio. Infelizmente algumas pessoas enchem a trilha da Pedra da Galinha com entulhos e sujeiras de toda a espécie, em toda a sua extensão, até mesmo próximo a nascente, além de rabiscarem os paredões da pedra, sem contar que a pedra sofreu um incêndio recentemente devido a razões não esclarecidas, mas muito provavelmente devido a ação de vândalos.Tudo isso é fruto da falta de educação e senso ecológico de muitas pessoas. As montanhas devem ser usadas para serem visitadas, apreciadas e preservadas para nosso próprio bem e para o bem das futuras gerações.   

Pesquisa realizada por Yuri Barbosa dos Santos Hermida Pinheiro Freire





MP protesta contra ‘PEC da Impunidade’

Sérgio Jucá


O Ministério Público Estadual lançou uma campanha destinada às mídias sociais de repúdio ao Projeto de Emenda à Constituição (PEC) 37/11. Mais conhecida como PEC-37 ou “PEC da Impunidade”, a proposta visa, em linhas gerais, retirar do Ministério Público a prerrogativa de atuar acompanhando investigações ou realizando seus próprios processos investigatórios. A medida também é adotada por outros órgãos que também investigam ou dão suporte aos Ministérios Públicos nessa atividade, como Banco Central, Receita Federal ou Ibama. A PEC 37 deve ser votada no próximo dia 26 e, se aprovada, vai prejudicar o trabalho de combate à improbidade e desvios de verbas, tráfico de drogas e outras formas de crime organizado. Em texto divulgado ontem, a diretoria de Comunicação Social do MP informou que a campanha foi organizada pelos profissionais do setor, como forma de contribuir com as iniciativas de mobilização contra a PEC 37. E que a campanha consiste na gravação e postagem de vídeos com autoridades e integrantes do MP explicando os malefícios da aprovação da PEC 37 e expondo seus argumentos contrários a ela. Os primeiros vídeos postados ontem trazem depoimentos do procurador-geral de Justiça, Sérgio Jucá, e do coordenador do Gecoc, promotor Alfredo Gaspar de Mendonça. “É um insulto à nação. Essa atribuição [de investigar] foi outorgada pela Constituição de 1988. A quem interessa essa PEC? Interessa aos delinquentes do colarinho branco, interessa ao crime organizado, que desejam ver o Ministério Público aniquilado, sem poder para exercer o seu papel relevante de defesa da sociedade”, declarou o chefe do MP, no vídeo.

Fonte: Gazeta de Alagoas - Matéria de Felipe Farias