sexta-feira, 31 de maio de 2013

CINEMA

 OS FONDA A FAMÍLIA DOS GRANDES ATORES HÁ OITO DÉCADAS FAZENDO SUCESSO NO CINEMA

 
HENRY FONDA NO FILME ALTA TENSÃO
 
 
Henry, Jane, Peter e Bridget, a família Fonda, décadas sucesso. Tudo começou em 1935, com o primeiro filme de Henry Fonda, “Amor Sincero”. Em 1936, casou-se com Francis Seymour Broukwaw, tiveram dois filhos, Jane e Peter, também artistas famosos. Henry Fonda nasceu em 16/05/1905, em Grand Island, Nebraska, EUA e faleceu em 12/08/1982, em Los Angeles, EUA. Henry era sucesso em qualquer gênero, western, drama, comédia, etc. Várias vezes premiado e homenageado. O mais velho ator a ganhar um Oscar, em 1991, como ator principal em, “Num Lago Dourado”, onde contracena com a grande Katherine Hepburn e com sua filha, Jane Fonda, que faz o papel da filha do casal encenado por Henry e Katherine. Henry trabalhou também com seu filho Peter Fonda no filme Wanda Nevada, onde Peter Fonda faz o papel principal e também é o diretor. Henry Fonda fez quase cem filmes, entre eles: “Num Lago Dourado”; “As Vinhas da Ira”; “Jesse James”; “O Retorno de Franck James”; “A Serpente”; “Alta Tensão”; “Assim Nascem os Heróis”; “Jezebel”; “Wanda Nevada”; “A Vida de Alexandre Graham Bell”; “Assim Que Elas Gostam”; “A Mocidade de Lincoln”; “Era Uma Vez no Oeste”; “Amor Sincero”; “Os Últimos Dias de Mussolini”; “Os Impiedosos; “Cidade em Chamas”; Cinzas do Passado”; “Consciências Mortas”; “Dez Homens e Uma Sentença”; “Sangue de Herói” e muitos outros.

 
JANE FONDA UM SÍMBOLO SEXUAL EM SUA ÉPOCA
   
 
Jane Fonda, a mais velha dos filhos de Henry Fonda, nasceu em 21/12/1937, em Nova York, como Lady Jayne Seymour Fonda, antes do cinema, foi modelo de sucesso, capa de revistas, entre elas a Vogue. Foi para o cinema nos anos 60, lindíssima, logo se tornou símbolo sexual, principalmente, após sua participação nos filmes, “Barbarella” e “Dívida de Sangue”. Premiada duas vezes com o Oscar, melhor atriz principal, em “O Passado Condena”, de 1972 e “Amargo Regresso” de 1979. Jane Fonda protagonizou também com sucesso; ”A Noite dos Desesperados”; “Julia”; “Síndrome da China”; “Qualquer Quarta Feira”; “Descalços no Parque” e “Num Lago Dourado”, ao lado de seu pai, Henry Fonda. Foi casada com Roger Vadim, com Tom Hayden e com Ted Turner. Ativista de esquerda desde os anos 70, quando foi a Hanói, antiga capital do Vietnam do Norte e protestou contra a intervenção norte americana, na política daquele país, posando para fotos, sentada em um canhão, antiaéreo, o que lhe valeu a ira do governo de Nixon e da direita radical dos EUA, que a chamam até hoje de “Hanói Jane”. Hoje, afastada das telas cinematográficas, Jane Fonda, 73 anos, faz sucesso nas carreiras de orientadora de ginástica aeróbica e de escritora.



 
  PETER FONDA NO CARTAZ DO FILME O OURO DE ULISSES QUE LHE VALEU UMA INDICAÇÃO PARA O OSCAR
 
 
Peter Fonda, segundo filho de Henry Fonda, nasceu em 23/02/1940, em Nova York, Começou a carreira de ator de cinema nos anos 60. Em 1999 foi indicado ao Oscar, por sua atuação como um apicultor, no filme “O Ouro de Ulisses”. Em 1970, contracenou com seu pai Henry Fonda, em “Wanda Nevada”, onde além de fazer o papel principal, Peter Fonda também dirigia o filme. Entre outros filmes, seus maiores sucessos além dos dois acima citados são; “Motoqueiros Selvagens”; “Nadja”; “A Estrada do Medo”; “O Motoqueiro Fantasma”; “A Fúria da Tempestade”; “Fuga de Los Angeles”; “Sem Destino”; “Fuga Alucinada” e “Histórias Extraordinárias”. Com Susan Brewer, uma atriz divorciada que já tinha uma filha, chamada Noah Dietrich, ele, Peter Fonda casou-se em 1961, deste relacionamento, nasceram dois filhos Bridget Fonda, também atriz e que já faz sucesso e Justim Fonda. Em 1972, Peter Fonda, divorciou-se de Susan Brewer e em 1975 casou-se pela segunda vez, agora com Portia Rebecca Crockett.

 
BRIDGET FONDA EM CANNES NA FRANÇA EM 1991 QUANDO INDICADA AO PRÊMIO EMMY
 
 
Bridget Fonda, filha de Peter Fonda com Susan Brewer, neta de Henry Fonda, sobrinha de Jane Fonda, nasceu em 27/01/1964, em Los Angeles. Aos cinco anos de idade, em 1969, estreou nas telas, ao lado do pai Peter Fonda, no filme, “Sem Destino”. Em 1988 conseguiu um papel no filme “O Escândalo” e sua carreira começou a progredir. Foi indicada para o prêmio Emmy, por sua atuação no filme “Armadilha Selvagem, feito especialmente para a televisão. Em sua carreira também se destacam os filmes: “O Poderoso Chefão lll”, onde faz uma jornalista; “Jackie Brown”; “Vítimas do Medo”; “Um Estranho Chamado Elvis”; “Camilla”; “Vida Bandida” e “Beijo do Dragão”. Bridget Fonda tem um filho chamado Oliver e é casada com o compositor Danny Elfman. 
 
Pesquisa feita por Benigno Antonio Hermida Pinheiro Freire, com apoio e montagem de Yuri Barbosa dos Santos Hermida Pinheiro Freire
 
 
 
 

Desemprego na Eurozona alcança recorde de 12,2% em abril

 União Europeia


O desemprego da Eurozona continua aumentando e em abril alcançou o recorde histórico de 12,2% (19 milhões de pessoas), um dos símbolos mais dramáticos da crise europeia, indicou o Escritório de Estatísticas Europeu (Eurostat). Em um ano, a taxa de desemprego subiu em 1,644 milhão de pessoas na Eurozona e em 1,673 milhão na União Europeia, disse o Eurostat. Além disso, 23,5% dos jovens estavam sem emprego em abril, acrescentou o organismo. Sobretudo na Espanha (56,4%), Portugal (42,5%) e Itália (40,5%).

Fonte: Jornal do Brasil

Asteroide vai passar “raspando” na Terra hoje

  
 1998 QE2


Um asteroide deve passar bem próximo da Terra nesta sexta-feira (31), às 5h59 da tarde, no horário de Brasília. Ele passa a cerca de 5 milhões de quilômetros do planeta — distância que é considerada pequena nos padrões da astronomia. Telescópios vão ser usados na observação da trajetória, que, segundo os especialistas, não deve afetar a Terra.Essa será a menor distância que o asteroide, o 1998 QE2, ficará da Terra pelo menos nos últimos dois séculos. Segundo a Nasa, o 1998 QE2 não desperta muito interesse para astrônomos e cientistas que pesquisam asteroides considerados perigosos, mas para os que trabalham com astronomia de radar e têm um telescópio de pelo menos 70 metros à disposição. A aproximação do asteroide à Terra será examinada por dois grandes telescópios — o Observatório Goldstone, na Califórnia, e o radiotelescópio de Arecibo, em Porto Rico. O astrônomo Lance Benner, do Observatório Goldstone, explicou que os telescópios de Goldstone e de Arecibo esperam obter imagens de alta resolusão que possam revelar a riqueza característica da superfície do asteroide: — Sempre que um asteroide se aproxima, ele fornece uma importante oportunidade científica para estudá-lo em detalhe para compreender o seu tamanho, forma, rotação, características da superfície, e o que eles podem nos dizer sobre sua origem. Também vamos utilizar as novas medidas de radar de distância e velocidade do asteróide para melhorar o nosso cálculo de sua órbita e calcular o seu movimento. O asteroide 1998 QE2 foi descoberto em agosto de 1998 por astrônomos do projeto Linear (Lincoln Near-Earth Asteroid Research), do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts). O nome do asteroide vem da organização Centro de Planetas Menores, em Cambridge, que o nomeia de acordo com um sistema alfanumérico que demonstra a data em que o corpo celeste foi descoberto.

Fonte: R7

quarta-feira, 29 de maio de 2013

CULTURA

JOHANN STRAUSS O REI DA VALSA


  JOHANN STRAUSS

Johann Strauss foi o maior e mais o prolífico, compositor de valsas, do mundo, em todos os tempos. Austríaco, filho de uma família de compositores, ele nasceu em 25 de outubro de 1825, em Viena, capital da Áustria e foi registrado, com o nome completo, de Johann Baptist Strauss e faleceu em 03 de junho de 1899, aos 63 (sessenta e três) anos idade,  também, em Viena. Em seu país natal, a Áustria, primeiro ele ficou conhecido como, Johann Strauss II, já que, seu pai, também se chamava Johann Strauss e também era um excelente compositor, que havia tornado a valsa famosa. Seus irmãos, Josef Strauss e Eduard Strauss, também eram compositores. Porém, a história da música e especialmente da valsa, mostra que, Johann Strauss II, superou, musicalmente, todos os compositores, de sua família, por sinal, todos eles, excelentes compositores.  Ele popularizou, ainda mais, a valsa, que seu pai já tornará famosa. A sua genialidade era tanta, que com o passar dos tempos, pela excelência musicalidade, que tinha, mais especificamente, na valsa, passou a ser conhecido apenas como, Johann Strauss, já que se tornará mais famosos que seu pai, que tinha o mesmo nome, conforme foi mostrado acima e foi apelidado, de o Rei da Valsa. Johann Strauss deixou mais de 500 (quinhentas) valsas, belas e famosas, dentre elas, a mais bela e famosa de todas, "O Danúbio Azul", que até os dias de hoje, é muito conhecida e muita executada, nos mais diversos concertos musicais. Esta linda e famosa valsa, "O Danúbio Azul", serviu inclusive, para trilha musical, a diversos filmes, entre eles, o famoso, filme, ''2001, Uma Odisséia no Espaço", sendo a principal música, da trilha de músicas, daquele famoso filme, um dos maiores recordes, de bilheteria, de cinemas, no mundo e que até hoje, ainda está entre os 10 (dez) maiores recordes, de bilheteria, da história mundial, do cinema. Além das mais de 500 (quinhentas) valsas deixadas por ele, Johann Strauss deixou em sua grande e maravilhosa obra, inúmeras polkas, inúmeras marchas e ainda, algumas operetas e quadrilles, além de uma ópera completa, "Ritter Pásmán", que em português quer dizer, "O Cavaleiro Pásmán", composta por ele, em 1892 e ainda, a famosa, "Aschenbrödel", que em português, quer dizer, "Cinderela", uma peça para ballet, de 1899, escrita por ele.

Pesquisa feita por Benigno Antonio Hermida Pinheiro Freire, com apoio e montagem de Yuri Barbosa dos Santos Hermida Pinheiro Freire

Mantega descarta novas medidas de estímulo à economia 

 
 
 
Guido Mantega

Fonte: Jornal do Brasil

Renan diz que não leu MPs em defesa de papel constitucional do Senado


 Renan Calheiros


O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), afirmou nesta quarta-feira, 29, que "não havia outra coisa a fazer a não ser deixar de ler as Medidas Provisórias" 605 e 601. As duas MPs, que tratam de recursos da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) para garantir o desconto na conta de luz e da desoneração da folha de pagamentos para setores da economia, respectivamente, foram votadas e aprovadas ontem na Câmara dos Deputados. No entanto, como ambas caducam na próxima segunda-feira (3), ou seja, antes do prazo mínimo estabelecido pelo próprio presidente do Casa para que o Senado aprecie medidas provisórias vindas da Câmara, e Renan Calheiros não as leu na sessão de ontem, portanto, as MPs perderão mesmo a validade. "Não há o que rever, porque havia anteriormente um compromisso. Nós não tínhamos como não cumprir o compromisso", disse Renan. "Na defesa do papel constitucional do Senado, não havia outra coisa a fazer a não ser deixar de ler as medidas provisórias". Renan negou que sua decisão possa de alguma forma prejudicar a relação do PMDB com o governo. "Muito pelo contrário, a presidente tem tido todo o apoio do Congresso, continuará tendo", avaliou. Aprovadas ontem na Câmara, a MP 605 permite o uso de recursos da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) para compensar descontos concedidos a alguns setores na estrutura tarifária e viabilizar a redução da conta de luz, vigente desde janeiro deste ano, enquanto a MP 601 desonera a folha de pagamento de vários setores da economia. A decisão foi tomada com base no acordo firmado por ele com os demais senadores estabelecendo que o Senado não votaria mais MPs que chegassem para análise com menos de sete dias de prazo para vencer. “Com o plenário do Senado nós menos de sete dias de prazo para vencer. O acordo não
será revogado",  anunciou Renan ontem aos senadores que ainda permaneceram na sessão após as votações do dia. Na opinião de Renan, a Câmara vem “testando” o Senado ao enviar as MPs nos últimos dias de prazo antes de perderem a validade. Ele garantiu que o governo terá condição de reeditar as duas MPs que vão perder a validade por não terem sido lidas. “O que o governo e a Câmara dos Deputados não podem fazer é apequenar o Senado Federal não dando condições para a Casa votar as medidas provisórias”, disse Renan. Os líderes governistas tentaram reverter a decisão argumentando que se for contado o dia de chegada das MPs, elas ainda teriam prazo para ser votadas sem ferir o acordo. O líder do governo, senador Eduardo Braga (PMDB-AM), alegou que a MP 605 chegou ao Senado antes da ordem do dia e, portanto, poderia ter o prazo de sete dias considerado. As duas MPs perderão a validade no dia 3 de junho. Diante do protesto do líder do governo na Casa, senador Eduardo Braga, Renan decidiu encaminhar o recurso para leitura da MP 605 à Comissão de Constituição e Justiça para um parecer sobre a decisão. Assim como Braga, o líder do PT, senador Wellington Dias (PT-PI), alegou que esta terça-feira poderia contar no prazo de sete dias. “Não há nenhuma situação de constrangimento se nós fizermos a contagem do tempo incluindo o dia de hoje”, alegou. Outros senadores, no entanto, pressionaram no sentido contrário. O senador Pedro Taques (PDT-MT), alegou que a decisão política defende o Senado e não pode ser mudada de acordo com cada medida provisória. “Não existe MP mais importante que a outra. Todas são importantes. É uma questão de defender o Senado”, ressaltou. Mais cedo, a ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, disse que o governo lamenta a perda de validade das MPs. Segundo ela, o governo irá garantir a manutenção em vigor das políticas previstas nas duas medidas de modo a evitar prejuízos para a sociedade.

Fonte: Último Segundo

terça-feira, 28 de maio de 2013

BEATLEMANIA

 
 
I’M A LOSER A FAVORITA DE JOHN LENNON

 
Após o fim dos Beatles, John Lennon falou, em uma entrevista, a uma revista, sobre o sucesso e fim da banda, The Beatles, sobre a parceria entre ele e Pau McCartney  e a relação profissional e de amizade com Paul, Ringo e George, entre outras coisas. Durante a entrevista, perguntado sobre suas canções favoritas dos Beatles, John surpreendeu ao dizer que as músicas dos Beatles, nada tinham de extraordinário, que eram composições simples e comuns em letra e música, excetuando-se poucas, entre elas, a sua favorita I’M A LOSER (Eu sou um perdedor), que apesar de creditada a Lennon e McCartney, havia sido composta inteiramente por ele, John Lennon. I’M A LOSER composta por Lennon dentro de um avião numa turnê no ano de l964, foi gravada em 14/08/64, com John interpretando-a quase por inteiro, exceto no refrão quando há um dueto entre John e Paul. O solo da gaita também é feito por John; George trabalha em sua guitarra em solo e acompanhamento; Paul, no contra baixo e Ringo, bateria e pandeiro completam o ritmo e seguimento musical na melodia, que, foi incluída em 1964, no L. P. Beatles For Sale, lançado no Reino Unido. No Brasil I’M LOSER foi lançada em 1965, no L. P. Beatles 65, sendo colocada no lado A na terceira faixa. Um pouco mais tarde Paul McCartney declarou que John Lennon havia sido muito corajoso ao escrever I’M A LOSER, música bem diferente do estilo de John Lennon á época. Segundo John Lennon a música I’M A LOSER, que ele fez, sofrera forte influência do estilo do gênero de seu amigo e ídolo Bob Dylan.

Para ver o vídeo da música Beatles - I'm a loser clique no link abaixo:


CAPA DO DISCO BEATLES 65 LANÇADO NO BRASIL ONDE ESTÁ INCLUIDA A FAIXA "I'M A LOSER"
 
 
JOHN LENNON
 
Pesquisa feita por Benigno Antonio Hermida Pinheiro Freire com apoio e montagem de Yuri Barbosa dos Santos Hermida Pinheiro Freire


Projeto de resolução da ONU condena intervenção de estrangeiros na Síria





 
ONU


O Conselho de Direitos Humanos da ONU se pronunciará na quarta-feira sobre um projeto de resolução que condena "a intervenção de combatentes estrangeiros" na cidade síria de Qousseir, pela qual lutam o exército e os rebeldes sírios. O projeto de resolução, apresentado por Estados Unidos, Turquia e Qatar, se refere principalmente ao Hezbollah libanês, mas não menciona o grupo. O texto será debatido nesta terça-feira em Genebra e analisado na quarta-feira em um encontro urgente do Conselho de Direitos Humanos da ONU, cujas resoluções não são vinculantes. O projeto de resolução, publicado pelo Conselho, "condena a intervenção de combatentes estrangeiros que lutam por conta do regime sírio em Qousseir" e se diz "profundamente preocupado por seu envolvimento representar uma grave ameaça para a estabilidade regional". O texto solicita às autoridades sírias que permitam um "acesso livre e sem travas" às Nações Unidas e às agências humanitárias para que estas possam socorrer os civis, sobretudo em Qousseir". O exército sírio luta há alguns dias, auxiliado por combatentes do Hezbollah xiita libanês, contra os rebeldes pelo controle da cidade de Qousseir. Dezenas de milicianos do Hezbollah morreram nos últimos dias na batalha, segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).


Fonte: Portal Terra





Preços ao produtor brasileiro aceleram alta a 0,35% em abril, diz IBGE

 

 

 





A leitura é a maior desde o avanço de 0,41 por cento vista em dezembro, levando os preços ao produtor acumularem alta de 5,48 por cento nos 12 meses encerrados em abril.  O IBGE revisou o dado de março para avanço de 0,04 por cento em março, depois de anunciar 0,03 por cento. Segundo o IBGE, em abril, 18 das 23 atividades pesquisadas apresentaram alta de preços na comparação com o mês anterior, com destaque para farmacêutica (1,95 por cento), borracha e plástico (1,43 por cento), papel e celulose (1,31 por cento) e têxtil (1,29 por cento). Em março, foram 14 as atividades cujos preços subiram.  Em relação aos alimentos, ao avançarem 0,16 por cento em abril ante o mês anterior, o setor registrou pela primeira vez no ano taxa positiva, embora a menor de toda a série, segundo o IBGE. Com isso, alimentos acumulam no ano queda de 5,08 por cento, mas alta de 5,82 por cento em 12 meses. Já as maiores influências positivas sobre o indicador em abril vieram de metalurgia (0,07 ponto percentual), borracha e plástico (0,05 ponto), máquinas e equipamentos (0,05 ponto). No campo negativo, o destaque ficou com outros produtos químicos (-0,09 ponto percentual). No acumulado dos últimos 12 meses, por sua vez, as maiores variações foram registradas em fumo (11,60 por cento), bebidas (9,89 por cento), borracha e plástico (9,18 por cento) e outros produtos químicos (9,11 por cento). As principais influências vieram de alimentos (1,11 ponto percentual), outros produtos químicos (0,98 ponto), refino de petróleo e produtos de álcool (0,92 ponto) e borracha e plástico (0,34 ponto). O IPP mede os preços "na porta das fábricas" e não inclui os custos com frete e impostos que influenciam os preços ao consumidor, que ainda estão em níveis bastante elevados.

Fonte: Reuters Brasil
 

segunda-feira, 27 de maio de 2013

CULTURA  

 

 

 

GEORGE  SAND UMA  ESCRITORA  E  AUTORA  TEATRAL QUE REVOLUCIONOU E ESCANDALIZOU O MUNDO NO SÉCULO DEZENOVE  

GEORG SAND


George Sand, escritora e autora teatral francesa, nasceu em Paris em 1º de julho de 1804, com o nome de Amandine Aurore Lucille Dupin, perdeu o pai ainda muito jovem e foi mandada pela mãe para ser criada pela avó, Aurore de Saxe. George Sand escreveu 18 livros e 20 peças teatrais. No ano de 1832 quando escreveu um de seus mais famosos romances ''A Indiana'', passou a usar o pseudônimo com o qual ficaria famosa. Muito irreverente e de personalidade forte, com alta tendência socialista, adepta da emancipação feminina, George Sand logo passou a escandalizar vários setores da sociedade francesa e européia, à época. Com o título de Baronesa e já dirvociada do seu primeiro marido o Barão Casimir Dudevant, pai de seus 2 filhos, George Sand começou a mudar o comportamento,para desespero da sociedade conservadora de então. Foi ela a primeira mulher a usar calças compridas, a fumar em público, em especial charutos, além de incorporar ao seu vestuário, o smoking. Tempos depois ao ser apresentada ao famoso compositor e pianista polonês, o ''virtuose'' Frédéric François Chopin, até hoje, talvez o mais conhecido, conceituado, respeitado e reverenciado compositor romântico do gênero clássico musical, em todo mundo, se apaixonou por ele. Embora a princípio Chopin tenha relutado em virtude dos preconceitos da época e por saber que sua família não viria com bons olhos aquela união, Chopin acabou cedendo aos encantos e argumentos de George Sand, passando a viver em sua companhia,na cidade Nohant, França. Esta união durou 8 anos de 1839 à 1847, quando constantes brigas, principalmente relacionadas aos filhos do primeiro casamento de George Sand, acabaram por separar o casal. Dois anos depois pobre e doente Chopin, faleceu de tuberculose, em 1849. George Sand faleceu anos depois, mais tarde, precisamente em 08 de junho de 1876, em Nohant.
 
Pesquisa por Benigno Antonio Hermida Pinheiro Freire, com apoio de Yuri Barbosa dos Santos Hermida Pinheiro Freire

Nasa enviará impressora 3D para o espaço em 2014

 

 

 


A Nasa, agência espacial americana, planeja enviar uma impressora 3D para a Estação Espacial Internacional (ISS) em 2014. O objetivo é testar a impressão de objetos em três dimensões em ambientes com gravidade zero. A iniciativa é fruto de uma parceria do Centro de Voos Espaciais Marshall, da Nasa, com a empresa Made in Space. O equipamento deverá decolar rumo ao espaço em agosto de 2014 em uma missão privada de envio de carga para a ISS pela empresa SpaceX.A impressora fabricará as primeiras peças 3D fora da Terra. Isso daria início à capacidade de produzir itens capazes de levar a humanidade para além do Sistema Solar, por exemplo. O equipamento vai imprimir camada por camada os objetos a partir de polímeros e outros materiais. Os projetos dos objetos serão carregados em um computador a caminho do ISS e também poderão ser enviados a partir da Terra. Segundo a equipe envolvida no projeto, a impressão 3D pode ajudar a tornar a vida no espaço mais fácil e mais barata, uma vez que peças individuais a bordo da ISS também poderiam ser impressas em três dimensões. Niki Werkheiser, gerente de projetos da Nasa, disse em um comunicado que uma impressora 3D permitirá viver e trabalhar no espaço com a mesma eficiência e produtividade da Terra, com o objetivo final de eliminar a dependência de materiais e peças na microgravidade. Este não é o único projeto que envolve impressão 3D. A Nasa investiu 125 mil dólares em um projeto para a criação de um protótipo de uma impressora 3D de comida. Se der certo, a máquina poderá criar alimentos para astronautas em longas viagens espaciais.

 

Fonte: Info Corporate


Balança tem superávit de US$ 461 mi na 4ª semana de maio

 

A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 461 milhões na quarta semana de maio, segundo os dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC). As exportações somaram US$ 5,198 bilhões e as importações foram de US$ 4,737 bilhões.No mês, as vendas externas somam US$ 17,907 bilhões, as importações, US$ 16,389 bilhões, com saldo positivo de US$ 1,518 bilhão.No acumulado do ano, no entanto, há um déficit de US$ 4,634 bilhões, resultado de exportações de US$ 89,374 bilhões e importações de US$ 94,008 bilhões.

 

Fonte: EXAME.com

sexta-feira, 24 de maio de 2013

ESPORTE

O GRANDE DINO SANI COMPLETOU OITENTA E UM ANOS
 
DINO SANI

Com todo o respeito ao grande, Zito, que foi um craque, como centro médio, do Santos e da seleção brasileira, bicampeão mundial, em 1958, na Suécia e em 1962, no Chile, também, com muito respeito, ao Clodoaldo, da mesma posição, que também foi craque e que também foi do Santos e da seleção brasileira e ainda, foi campeão mundial com a seleção brasileira, em 1970, no México, com todo o respeito a outros grandes jogadores da posição, que jogaram aqui no Brasil, mas para mim, Dino Sani que fez ontem, dia 24 de maio, 81 (oitenta e um) anos, foi o maior centro médio que eu vi no Brasil. Centro médio, antigamente, corresponde ao que hoje chamamos de volante. Bem, volante, ou centro médio, como queiram, os que jogam hoje em dia, nesta posição, são com raras e honrosas exceções uns botinudos, que só servem para desarmar, isto quando conseguem e são raros, os volantes, hoje em dia, que sabem dar um passe de qualidade.  Os três acima eram bem diferentes, sabiam desarmar e sabiam com perfeição, passar uma bola, ou fazer um grande lançamento, assim como, outros grandes centros médios, daquela época e foram muitos. Porém, para mim, ninguém superou ao grande, Dino Sani. 
 DINO SANIN COM A CAMISA DA SEÇÃO BRASILEIRA

Dino Sani era o titular da seleção brasileira, na Copa do Mundo de 1958, na Suécia e o grande Zito era o seu reserva. Dino Sani jogou as duas primeiras partidas, daquela Copa do Mundo, Brasil 3X0 Áustria e Brasil 0X0 Inglaterra, o primeiro 0X0, na história das Copas do Mundo. Porém, Dino Sani se machucou neste segundo jogo e deu lugar ao Zito, que o substituiu à altura, até o final, da Copa do Mundo, de 1958, na Suécia. Em 1962, Dino Sani estava jogando no Milan da Itália, teve um convite para se naturalizar italiano, mas diferente de, Mazzola, o nosso José Altafini, que se naturalizou italiano e disputou a Copa do Mundo de 1962, no Chile, defendendo a Itália, Dino Sani, não quis se naturalizar italiano e como na época era caríssimo trazer um jogador que estivesse jogando fora do país, para disputar, uma Copa do Mundo, algo na época, praticamente impossível, Dino Sani, não pode ser convocado para a seleção brasileira, que foi bicampeã mundial, na Copa do Mundo, de 1962, no Chile. Dino Sani jogava com tanta classe e elegância que o chamavam de “Senhor Elegância”, elegância essa, que ele mantinha fora dos campos, sempre, se trajando magnificamente, coisa que faz até hoje, quando completa seus 80 (oitenta) anos. Quando foi convocado para a Copa do Mundo de 1958, na Suécia, Dino Sani era jogador do São Paulo Futebol Clube e em 1957, com aquele clube, tinha sido campeão paulista, o que lhe valeu a convocação, para a seleção brasileira, que disputou a Copa do Mundo, de 1958, na Suécia. 
 DINO SANI NO SÃO PAULO

Depois daquela Copa do Mundo, no ano de 1959, Dino Sani foi vendido pelo São Paulo Futebol Clube,  ao Clube Atlético Boca Juniors,  de Buenos Aires, capital da Argentina. O Boca Juniors, que diga-se de passagem é o clube mais popular e o clube de maior torcida na Argentina e tinha nesta época, diversos brasileiros no time. 
 DINO SANI NO BOCA JUNIORS
Além de Dino Sani, o Boca Juniors, tinha ainda na época, em seu time, os brasileiros; Paulo Valentim ex-Botafogo, do Rio de Janeiro; Almir, o famoso, "Almir o Pernambuquinho", ex Vasco da Gama, do Rio de Janeiro e no quarto zaqueiro, Orlando Peçanha, ex Vasco da Gama do Rio de Janeiro, e campeão mundial como titular da seleção brasileira,  em 1958, na Copa do Mundo da Suécia, junto com o próprio Dino Sani. 
 DINO SANI NO MILAN

Em 1961, foi para o Milan da Itália, onde em 1962, foi campeão italiano e ainda, com o Milan, foi campeão da Copa dos Campeões da Europa, na temporada 1962/1963, ao bater de virada no jogo final, realizado no Estádio de Wembley, em Londres, na Inglaterra, no dia,  22 Maio 1963, uma quarta feira ao poderoso Benfica, de Eusébio, por 2X1. Eusébio fez 1X0, para o Benfica, ainda, no primeiro tempo. Mas, no segundo tempo, com dois gols, do outro brasileiro do time, Mazzola, o José Altafini, o Milan virou o jogo e ganhou a partida, tornando-se campeão, de 1962/1963, da Copa dos Campeões da Europa. Em 1965, Dino Sani voltou para o Brasil, contratado pelo Sport Club Corinthians Paulista e em 1966, foi convocado na pré lista dos 45 (quarenta e cinco) jogadores, convocados pela comissão técnica, para treinamentos,para a Copa do Mundo,de 1966, na Inglaterra, destes, apenas 22(vinte e dois), na época e não 23 (vinte e três) como é hoje seriam inscritos Para aquela Copa do Mundo, os demais seriam cortados. Este 45 (quarenta e cinco) jogadores se concentraram aqui, em Teresópolis, no Hotel Pinheiros, em Quebra Frascos e treinavam no campo do Teresópolis, onde inclusive, em um domingo, realizaram 02 (dois) jogos treinos, um contra o América, onde Edu, irmão do Ziico que começava a aparecer, para o futebol, jogou. O outro jogo treino, o segundo da tarde, foi contra o Bangu, onde Cabralzinho, o mesmo,  Cabralzinho, que hoje é técnico, arrebentou, jogando pelo Bangu. Bem, quando não treinavam ali, treinavam na Granja Comary, em uma época em que havia um bom campo, mas, ainda não pertencia a CBF, como hoje pertence, nem sequer se imaginava, que isso iria acontecer, a CBF, comprar, uma grande parte da Granja Comary e lá montar o seu centro de treinamentos. Bem, voltemos ao Dino Sani. Eu era menino ainda, mas fui ver a maioria dos treinos, da seleção e o Dino Sani, sempre, mesmo já, um tanto quanto, veterano, para mim, era em todos os treinos e jogos treinos, o melhor volante, ou centro médio, como queiram e um dos melhores jogadores entre aqueles 45 (quarenta e cinco) pré convocados. Porém, a despeito do que eu achava, para minha grande surpresa, a comissão técnica, formada para a Copa do Mundo, de 1966, na Inglaterra, cortou o Dino Sani  e ele não foi relacionado, para ir aquela Copa do Mundo, no fundo, acho que até bom para ele, o grande, Dino Sani, pois, não passou a vergonha da participação, pífia do Brasil, naquela Copa do Mundo, quando o selecionado brasileiro,  não passou da primeira fase. Dino Sani é um paulista de nascimento, nascido em São Paulo, capital. 
 DINO SANI NO CORINTHIANS
Começou sua carreira, como jogador de futebol, profissional, no ano de 1951, no Palmeiras; depois foi para o XV de Jaú; a seguir para o Comercial, de São Paulo, capital; depois para o São Paulo; a seguir, para o Boca Juniors; depois foi para o Milan e voltou para o Brasil, em 1965, para jogar no Corinthians e por este clube, no ano de 1968, encerrou sua carreira como jogador. Encerrada a carreira de jogador, Dino Sani passou a ser técnico de futebol e como técnico, também fez sucesso e isso pode ser comprovado, ainda no início de sua carreira, como técnico, quando em 1970, recusou o convite para ser o técnico da seleção brasileira, substituindo João Saldanha, que havia saído do comando da seleção brasileira. Por ser muito amigo de João Saldanha, Dino Sani recusou a proposta, deixando o espaço livre, para  Zagallo, que foi o técnico, que então, foi tri-campeão mundial com o Brasil, na Copa do Mundo, de 1970, no México. Mas, Dino Sani seguiu a carreira, como técnico e como técnico, também, teve brilhantes conquistas. Entre outros clubes, dirigiu o Corinthians e o Flamengo, clubes das duas maiores torcidas do Brasil. Parabéns ao grande, Dino Sani, por sua vida exemplar, como jogador, de excelente qualidade e total lealdade, em campo; como grande, técnico, que ele foi; por toda a sua elegância, dentro e fora dos gramados; pela grande figura humana, que nele está muito bem representada e parabéns, pelos 81 (oitenta e um) anos de idade completados ontem. Parabéns,  grande “Senhor Elegância”! Parabéns, grande Dino Sani!

Pesquisa feita por Benigno Antonio Hermida Pinheiro Freire, com apoio e montagem de Yuri Barbosa dos Santos Hermida Pinheiro Freire

Evento contra a Aids em Cannes arrecada 25 milhões de euros



 Sharon Stone


Com a atriz Sharon Stone no comando, a amfAR, fundação americana que luta contra a Aids, arrecadou 25 milhões de euros em uma cerimônia de gala paralela ao Festival de Cannes, anunciou o estilista Kenneth Cole. O evento ocorreu na noite dessa quinta-feira em Cap d'Antibes (Alpes Marítimos), no sudeste da França. Nicole Kidman, Leonardo DiCaprio, Janet Jackson, Duran Duran, Kylie Minogue e outros 900 convidados estavam entre os convidados. O evento completou 20 anose é reservado a personalidades, grandes empresas e marcas de luxo. As mesas de 10 lugares custam 120 mil euros, enquanto o convite individual custa 3 mil euros. Desde 1993, a  festa permitiu arrecadar 62 milhões de euros. Shirley Bassey, que interpretou durante a noite vários clássicos, como o tema de "Goldfinger" (James Bond), Kristin Scott Thomas, o produtor Harvey Weinstein, Adrien Brody, os franceses Guillaume Canet, Mélanie Laurent, Ludivine Sagnier e Audrey Tautou também estavam presentes.

Fonte: Jornal Correio do Povo